Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

quarta, 20 de fevereiro de 2019 - 20h32min

Mundo

Americano é condenado a 15 anos de prisão em Cuba

12 MAR 11 - 17h:17Folha

A Justiça de Cuba condenou a 15 anos de prisão o empresário americano Alan Gross, 61, por "atos contra a independência e a integridade territorial" do país, informou neste sábado a imprensa oficial da ilha.

Segundo nota oficial, Gross poderá recorrer da sentença, que reduz em cinco anos a pena de 20 anos de prisão solicitada inicialmente pela promotoria.

O Tribunal Provincial de Havana informou que as provas apresentadas durante o julgamento contra o empresário, demonstram sua participação direta "em um projeto subversivo do Governo dos Estados Unidos", contra Cuba. De acordo com o texto da sentença, o objetivo desse projeto seria tentar "destruir" a revolução cubana.

O veredito assinala que o acusado reconheceu no julgamento "ter sido utilizado e manipulado" pela agência americano USAID subordinada ao Departamento de Estado e que financia a empresa Development Alternatives (DAI), em nome da qual o americano foi a Cuba.

A sentença de Gross, que foi ditada ontem, mas só divulgada neste sábado, sai um semana após seu julgamento, em Havana, que foi assistido por sua esposa, advogados e representantes consulares americanos.

O caso de Alan Gross, que foi detido em Cuba em dezembro de 2009, se transformou em um novo foco de tensão entre a ilha e os EUA. A Justiça cubana acusa o americano de distribuir sofisticados equipamentos de comunicações por satélite, para acesso à internet -- parte de um programa de Washington que é ilegal e considerado subversivo pelo regime da ilha.

Os EUA afirmaram que ele estava fornecendo acesso à internet a grupos de judeus, mas que não cometeu nenhum crime.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Pescadores propõem redução gradativa da cota até metade da atual
AUDIÊNCIA PÚBLICA

Pescadores propõem redução gradativa da cota para pesca

CLASSIFICAÇÃO DE RISCO

Moody's diz que reforma é abrangente e, se aprovada, dará suporte a nota de crédito do país

O Brasil não tem selo de bom pagador pela Moody's.
MS deve receber 34 novos profissinais pelo Mais Médicos em marco
MAIS MÉDICOS

MS deve receber 34 novos médicos em março

Empregadores devem entregar declaração até 5 de abril
RAIS 2018

Empregadores devem entregar declaração até 5 de abril

Mais Lidas