domingo, 22 de julho de 2018

PARAGUAI

Ameaçado de isolamento, Frederico Franco faz discurso conciliador

23 JUN 2012Por AGÊNCIA BRASIL08h:25

O novo presidente do Paraguai, Federico Franco, disse ontem (22) à noite que se esforçará para manter um bom relacionamento com os países vizinhos e atender às expectativas dos paraguaios. Franco assume em meio a críticas dos presidentes sul-americanos que desconfiam da rapidez do processo de impeachment do ex-presidente Fernando Lugo por suspeitas de manobras políticas

Foi a primeira entrevista coletiva de Franco apenas duas horas depois de ser empossado. Ele respondeu a sete perguntas, abordando temas internos e externos, além de anunciar os nomes de três integrantes de sua equipe de governo. Foram anunciados os nomes dos ministros do Interior, Carmello Caballero, e das Relações Exteriores, José Félix Fernández, além do chefe da Polícia Nacional, Aldo Pastore.

"Para os presidentes do Mercosul, quero dizer que compreendam a situação. Vamos fazer um esforço para normalizar", disse o novo presidente. “O importante para nós é manter uma boa relação com os países vizinhos”, acrescentou, deixando em aberto se pretende participar da reunião de Cúpula do Mercosul, em Mendoza, na Argentina, na próxima semana.    

Leia Também