Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

Alunos que explodem bombas em escolas podem responder na Justiça

22 JUN 2010Por 14h:10
     

Os casos de explosão de bombinhas nas escolas aumentam nesta época do ano em função do período de festas juninas. Na semana passada a Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude (Deaij) recebeu três ocorrências de alunos que explodiram bombas em ambiente escolar. Os estudantes responsáveis pela ação vão ser acionados judicialmente.

Na Escola Municipal Nelson de Souza Pinheiro, na vila Planalto, uma adolescente de 12 anos colocou uma bomba dentro do vaso sanitário, destruindo a louça. O Boletim de ocorrência foi registrado pela diretora da escola. Policiais foram ao local e realizaram perícia. A aluna vai responder processo judicial.

Leia Também