Sábado, 21 de Abril de 2018

Alimentos seguram alta da inflação

3 AGO 2009Por 11h:45
     

         

         

A inflação na última semana de julho registrou uma alta de 3,89%. Segundo a Fundação Getulio Vargas, a tarifa de luz. teve a maior influência de alta sobre o Índice de Preços ao Consumidor ? Semanal (IPC-S), que ficou em 0,34% no período. Ainda assim, a taxa do IPC-S ficou igual à registrada na semana anterior, graças à menor alta registrada pelos alimentos. As cinco maiores influências de baixa sobre o IPC-S vieram da batata-inglesa, tomate, cenoura, pescada branca e abacaxi. Também contribuíram para ?segurar? a aceleração da inflação as taxas dos grupos despesas e Saúde e Cuidados Pessoais.  Os grupos responsáveis pela aceleração da taxa são: transportes, vestuário e educação, leitura e recreação.

Com informações do G1

Leia Também