Terça, 20 de Fevereiro de 2018

Alckmin pode fazer comício em Dourados e Capital

17 OUT 2010Por Fábio Dorta, de Dourados02h:15



Dirigentes do PSDB, DEM e PPS anunciaram ontem, durante encontro suprapartidário em Dourados, a vinda do governador eleito de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), a Mato Grosso do Sul, para fazer campanha para José Serra (PSDB). A agenda está marcada para o dia 22 deste mês, em Campo Grande e Dourados.
Os coordenadores da campanha tucana no Estado afirmaram que estão tentando trazer também o deputado federal Índio da Costa (DEM-RJ) que é candidato a vice-presidente na chapa de Serra. De acordo com a pré-agenda divulgada no encontro de ontem, Alckmin chegará a Dourados por volta das 14h, seguindo direto do aeroporto para o Centro da cidade, onde estão previstos uma carreata e um comício.
À noite, o governador eleito de São Paulo deve participar de um comício em Campo Grande. O deputado estadual Reinaldo Azambuja, presidente regional do PSDB, afirmou que todos os esforços estão sendo feitos para que Serra vença também no segundo turno a eleição presidencial em Mato Grosso do Sul, com uma vantagem maior do que no primeiro turno quando obteve 42% dos votos contra 39% dados à petista Dilma Roussef.
Reinaldo cobrou mobilização tanto da classe política como de setores da sociedade que apoiam a candidatura de Serra para que ele tenha uma vitória expressiva no Estado. “Faltam só 15 dias para a grande virada. Tenho certeza que o Serra irá vencer as eleições”, afirmou o presidente do PSDB.
Ele disse ainda que a campanha de Serra depende muito do envolvimento dos partidos políticos e dos simpatizantes porque existem poucos recursos financeiros. “Temos dificuldades financeiras até para fazer material de campanha. Nossa campanha é a campanha do pobre contra os milhões dos nossos adversários”, finalizou.

Leia Também