Terça, 16 de Janeiro de 2018

Agressor jogou miniatura de ferro no rosto de Berlusconi

13 DEZ 2009Por 20h:56
     

O primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, de 73 anos, que foi agredido por um popular neste domingo, logo após um comício na cidade de Milão, não recebeu um soco.

Inicialmente, a polícia informou que o agressor havia dado um soco forte em Berlusconi, mas as imagens da agressão mostraram que na verdade ele se aproximou bastante do premiê e jogou a miniatura do Duomo, a catedral medieval de Milão, contra o rosto do premiê

O agressor, identificado como Massimo Tartaglia, de 42 anos, jogou uma miniatura de ferro no rosto do premiê, que ficou com a boca e o nariz sangrando, olhando para as câmeras com um ar atordoado

O boletim médico indica que o premiê sofreu uma "pequena fratura" no nariz e teve dois dentes quebrados, além de sofrer lesões nos lábios, disse Paolo Klun, porta-voz do Hospital San Raffaele de Milão.

Klun disse que Berlusconi ficou "muito abalado e desmoralizado" com a agressão. "Ele não entendeu muito bem o que aconteceu", disse o porta-voz do San Raffaele.

Berlusconi, além de primeiro-ministro, é um dos dois homens mais ricos da Itália. Magnata da mídia, ele controla empresas como emissoras de televisão, jornais, revistas e um editora, além de investimentos em outros ramos da economia através do seu grupo Fininvest.

Durante este ano inteiro, o premiê se envolveu numa série de escândalos sexuais com prostitutas, se separou da segunda esposa e sua suposta ligação com a máfia foi levantada por um mafioso arrependido num julgamento.

Leia Também