Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Aeroportos têm movimentação tranquila

Aeroportos têm movimentação tranquila
30/12/2013 15:15 - AGÊNCIA BRASIL


Os aeroportos brasileiros têm movimentação tranquila nesta segunda-feira (30) que antecede o feriado de Ano Novo. Até as 15 horas, a Infraero registrou 31 voos com atrasos superiores a 30 minutos, 2,5% dos 1.265 voos programados, número considerado normal. E 54 voos foram cancelados.

Desde o final de novembro a Infraero trabalha com um plano de ação para a movimentação da alta temporada, que seguirá até o final de janeiro de 2014. Para o período, o fluxo estimado de passageiros nos 63 terminais administrados pela empresa é 26,27 milhões de pessoas. A previsão não inclui os aeroportos concedidos, como o de Guarulho e de Brasília.

O planejamento da Infraero para o atendimento à alta temporada envolve o reforço das atividades operacionais, de atendimento direto ao público e de manutenção e limpeza. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) também divulga diariamente dois boletins sobre a situação dos voos nos 12 aeroportos onde ocorre a Operação Fim de Ano .

Já nas rodovias, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) continua com a Operação Rodovida, intensificando as fiscalizações nas rodovias federais de todo país. Ela envolve vários órgãos de trânsito, saúde e segurança para reduzir a violência no trânsito durante o período das festas de fim de ano, férias e carnaval. Segundo a PRF, o balanço das operações de fim de ano deve ser divulgado no início de janeiro.

A ANTT também continua com operações de fiscalização nos principais terminais rodoviários do país.

Felpuda


Paixão política que extrapola o bom senso, chega nas redes sociais e se transforma em baixaria pode resultar em prejuízo no bolso. Isso foi o que aconteceu com autor de texto nada elogioso contra colega por diferenças em apoio a candidatos nas eleições de 2016. O dito-cujo foi condenado a pagar indenização de R$ 7 mil, com correção monetária e juros mensais a partir da publicação da sentença, além dos honorários advocatícios. Detalhe: os adversários daquela época hoje andam de braços dados. Pode?