Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Aeroportos têm movimentação tranquila

30 DEZ 13 - 15h:15AGÊNCIA BRASIL

Os aeroportos brasileiros têm movimentação tranquila nesta segunda-feira (30) que antecede o feriado de Ano Novo. Até as 15 horas, a Infraero registrou 31 voos com atrasos superiores a 30 minutos, 2,5% dos 1.265 voos programados, número considerado normal. E 54 voos foram cancelados.

Desde o final de novembro a Infraero trabalha com um plano de ação para a movimentação da alta temporada, que seguirá até o final de janeiro de 2014. Para o período, o fluxo estimado de passageiros nos 63 terminais administrados pela empresa é 26,27 milhões de pessoas. A previsão não inclui os aeroportos concedidos, como o de Guarulho e de Brasília.

O planejamento da Infraero para o atendimento à alta temporada envolve o reforço das atividades operacionais, de atendimento direto ao público e de manutenção e limpeza. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) também divulga diariamente dois boletins sobre a situação dos voos nos 12 aeroportos onde ocorre a Operação Fim de Ano .

Já nas rodovias, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) continua com a Operação Rodovida, intensificando as fiscalizações nas rodovias federais de todo país. Ela envolve vários órgãos de trânsito, saúde e segurança para reduzir a violência no trânsito durante o período das festas de fim de ano, férias e carnaval. Segundo a PRF, o balanço das operações de fim de ano deve ser divulgado no início de janeiro.

A ANTT também continua com operações de fiscalização nos principais terminais rodoviários do país.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Agressores de mulheres não poderão tirar carteira de advogado, diz OAB

STJ mantém efeitos de liminar que revogou prisão de Puccinelli
MÉRITO

STJ mantém efeitos de liminar que revogou prisão de André

BRASIL

Oposição fecha questão contra Previdência e quer atrasar análise na CCJ

BRASIL

Abertura comercial do país deve ser lenta, gradual e segura, diz Mourão

Mais Lidas