Domingo, 22 de Abril de 2018

Adriano provoca "Efeito Imperador" no Flamengo

16 MAI 2009Por 09h:56

        Da Redação

                         

Adriano chegou à Gávea sexta-feira às 8h50 (de Brasília). Com dois seguranças, o atacante foi ao bar O Mais Querido do Brasil e pediu café pingado e pão na chapa. Poucas mordidas depois, mais de 50 crianças abandonaram as escolinhas, deixaram de lado os chamados dos professores e cercaram o ídolo.

 

O "Efeito Imperador" começou efetivamente ontem, no primeiro contato do jogador com seus companheiros, uma conversa de meia hora com Cuca que o elegeu como novo líder do grupo e a confirmação da estréia para o dia 30, no jogo contra o Atlético-PR, no Maracanã.

 

O café da manhã de Adriano foi interrompido, mas sua fome por bola chamou a atenção. "Ele será um líder dentro e fora de campo, terá responsabilidade. Conversei, expressei coisas que penso a respeito dele e ele me falou da alegria de voltar a sua cidade, ao clube de origem. O pensamento do Adriano está ótimo", avaliou Cuca, que ao ser questionado se estava com a mão coçando para escalar logo o jogador, brincou e não parou de esfregar as mãos.

 

 

Com informações de O Dia

                         

Leia Também