Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 11 de dezembro de 2018

ESTALEIRO

Adriano causará prejuízos nos cofres do Timão

21 ABR 2011Por globo esporte19h:15

O Corinthians economizou para contratar Adriano, mas terá de desembolsar uma bela quantia até que ele comece a jogar. Com o Imperador em baixa, o clube não gastou nada para adquirir os direitos dele depois da conturbada saída do Roma, porém, pagará cerca de R$ 1,8 milhão ao atleta no período em que ele estiver fora de combate pela cirurgia no tendão do pé esquerdo.

O valor é referente aos salários do Imperador, R$ 300 mil, que poderiam chegar a R$ 500 mil dependendo do rendimento e do comportamento do atleta. Como estará ausente fazendo apenas trabalhos de fisioterapia, o centroavante ficará sem o acréscimo até poder atuar.

- É uma fatalidade. Foi no pior momento, porque ele vinha numa evolução muito grande. Nosso papel é dar todo o apoio. Vamos ficar na torcida por ele – afirmou o diretor de futebol Roberto de Andrade à Rádio Jovem Pan.

O Corinthians não quer pular etapas, mas tem pressa para que Adriano regresse. A previsão é de que ele esteja jogando em setembro, em meados do Campeonato Brasileiro. Mais do que um goleador renomado, o Imperador é também a nova aposta do departamento de marketing para atrair investidores. Sem ele jogando, a chance de um novo acordo ser firmado é mínima.

Adriano, aliás, trará mais custos ao Corinthians do que Ronaldo em sua chegada ao clube. No início de 2009, o Fenômeno permaneceu treinando para perder peso por aproximadamente dois meses, período em que recebeu cerca de R$ 900 mil no total. Na ocasião, o Timão ainda não conseguia ter atraído patrocinadores que, mais tarde, fizeram os vencimentos do craque disparar para R$ 1,8 milhão.

Apesar dos gastos sem ter Adriano em campo, o Corinthians entende que teve “lucro” com a contratação. Com fama internacional, o jogador assinou com o Timão por um valor salarial bem abaixo daquilo que poderia encontrar em outros centros. Entretanto, por conta de problemas extra campo, viu algumas portas serem fechadas, sendo obrigado a assinar por uma quantia menor.

Com o Imperador fora de combate até setembro, o Corinthians procura um novo centroavante. Mas já avisa: não fará loucuras para contratar. A ideia do presidente Andrés Sanches é buscar um atleta mais jovem, com possibilidade de crescimento e sem tanta badalação. Gilberto, do Santa Cruz-PE, continua sendo um dos nomes.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também