Sexta, 22 de Junho de 2018

Acusados de matar Dudu vão à júri popular

11 DEZ 2009Por 16h:23
     

         

José Aparecido Bispo da Silva, o Cido, e Holly Lee de Souza, os acusados do assassinato do estudante Luiz Eduardo Martins Gonçalves, 10 anos, o menino Dudu, vão a júri popular em fevereiro de 2010 e poderão ser condenados a mais de 30 anos de reclusão em regime fechado.

O juiz da 2ª Vara do Tribunal do Júri, Aluízio Pereira dos Santos, desconsiderou o laudo de insanidade mental apresentado pela defesa de Holly, que queria a sua absolvição com base na avaliação médica de que ele sofre de problemas mentais. Também determinou a manutenção da prisão dos dois até o julgamento, previsto para fevereiro, em decorrência da repercussão do crime. Eles estão presos desde março deste ano.

De acordo com a denúncia do MPE (Ministério Público Estadual), Cido contratou três adolescentes e Holly para pegar Dudu e matá-lo como forma de vingança pelo fim do relacionamento com Eliane Aparecida Nascimento Martins, mãe de Dudu. Ele pagou em dinheiro e uma arma de fogo.

         

Leia Também