Sábado, 21 de Abril de 2018

Acusado de pedofilia está sozinho em cela

7 SET 2008Por 14h:37
     

Uma ex-namorada do engenheiro eletrônico Marcelo Adriano Barbosa, 42 anos, preso na manhã de anteontem acusado de violência sexual contra crianças, foi convocada pela polícia para prestar depoimento. Barbosa está detido no 77º Distrito Policial, em Santa Cecília (região central de São Paulo), onde cumpre prisão temporária.

De acordo com a polícia, as vítimas de Barbosa podem ser conhecidas dele, e pessoas próximas ao suspeito servirão de testemunhas para a investigação. A polícia afirmou que pelo menos quatro meninas, com idades entre quatro e 12 anos, foram vítimas de Barbosa, que filmava as cenas.

O engenheiro foi preso na manhã de anteontem em seu apartamento na Mooca (zona leste de São Paulo), acusado de pedofilia. A polícia informou que chegou ao suspeito após receber uma denúncia e uma fita em VHS, em que ele aparece abusando sexualmente de quatro meninas.

Na casa de Barbosa, a polícia apreendeu 15 fitas VHS, DVDs, computadores, uma filmadora, brinquedos, filmes infantis e uma calcinha de menina. De acordo com o DEIC (Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado), em um laptop do engenheiro eletrônico foram encontrados mais de 200 contatos. A polícia suspeita que o engenheiro eletrônico faça parte de uma rede de pedofilia e informou que vai investigar outros suspeitos.

 

Com informações do Agora

 

 

 

 

Leia Também