Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

JULGAMENTO

Acusado de decapitar aposentada é condenado a 16 anos de prisão

14 AGO 12 - 13h:58BEATRIZ LONGHINI

Rodrigo Dourado Pinto acusado de matar a aposentada Noely Soares de Oliveira, de 71 anos, foi condenado hoje (14) a 16 de reclusão em regime fechado e 20 dias-multa.

O homicídio aconteceu na madrugada do dia 13 de maio de 2010, no Bairro Canguru, em Campo Grande.

Segundo a denúncia, Rodrigo atingiu Noely com uma panela de pressão e a feriu com golpes de punhal, o que provocou a sua morte. Ele também furtou uma televisão, um aparelho de DVD, um ventilador e uma bicicleta, além de atear fogo na casa para destruir as provas do crime e o cadáver.

Rodrigo também decapitou a vítima e pendurou a cabeça em um fio na cozinha.

Ele foi condenado por homicídio duplamente qualificado, furto e destruição de cadáver.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial desta segunda-feira: "Obras e investimentos"

ARTIGO

Mateus Boldrine Abrita: "Desafio constante para eficiência na gestão pública"

Professor efetivo na Uems
OPINIÃO

André Marcos: "Fake news e o incêndio no Reichstag alemão"

Especialista em História do Brasil e Gestão Escolar

Felpuda

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião