Domingo, 18 de Fevereiro de 2018

nacional

Ação contra grupo de extermínio prende 13 em GO

15 FEV 2011Por g111h:51

Treze pessoas foram presas, nesta terça-feira (15), em Goiás, suspeitas de integrar um grupo de extermínio que atua no Estado. As prisões ocorreram durante a Operação Sexto Mandamento, da Polícia Federal. Entre os presos, segundo a PF, estão policiais militares de diversas patentes.

As 13 prisões, ainda de acordo com a PF, ocorreram em Goiânia. Outros seis mandados de prisão devem ser cumpridos nesta terça, no interior do estado.

O suposto grupo de extermínio é investigado há cerca de um ano pela Polícia Federal. Entre as vítimas do grupo estariam crianças, adolescentes e mulheres sem qualquer envolvimento com a prática de crimes.

Segundo as investigações, a organização criminosa tinha como principal atividade a prática habitual de homicídios com a simulação de que os crimes haviam sido praticados em confrontos com as vítimas. Alguns dos crimes foram praticados durante o horário de serviço e com uso de carros da Polícia Militar, de maneira clandestina e sem qualquer motivação, de acordo com a Polícia Federal.

Participam da Operação Sexto Mandamento 131 Policiais Federais e 12 Oficiais da Polícia Militar de Goiás.

A operação conta com a participação da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, do Ministério Público de Goiás, do Poder Judiciário de Goiás, da Secretaria de Segurança Pública de Goiás, além dos Comandos da Polícia Militar e da Polícia Civil de Goiás.

Os presos devem responder pelos crimes de homicídio qualificado em atividades típicas de grupo de extermínio, formação de quadrilha, tortura qualificada, tráfico de influência, falso testemunho, ocultação de cadáver, entre outros crimes.

Leia Também