Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 11 de dezembro de 2018

33% das empresas de SP pegará empréstimo para pagar 13º

15 DEZ 2008Por 12h:15
     

 

 

A crise de crédito dificultou a vida das indústrias para pagar o 13º salário dos trabalhadores neste fim de ano. Com a desaceleração nas vendas a partir de outubro, cresceu 13 pontos porcentuais, de 20% em 2007 para 33% neste ano, o número de indústrias que vão usar recursos de bancos para quitar o 13.º salário, revela pesquisa da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Essas companhias procuram crédito para financiar boa parte da folha de pagamento: 73,6%.

 

A enquete, que ouviu 543 indústrias do Estado de São Paulo, mostra que 71% das empresas que vão usar financiamento de terceiros consideram que as dificuldades estão maiores hoje em relação ao ano passado. Além de mais difícil, o crédito está mais caro. Das que vão usar os financiamentos, 87% informaram que o financiamento está caro (47%) ou muito mais caro (40%). A pesquisa mostra que 80% das que levantaram financiamentos pagaram pelos juros, em média, 31,4% a mais ante 2007.

 

Com informações do jornal O Estado de S. Paulo

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também