quinta, 19 de julho de 2018

Música

30 anos sem John Lennon

12 DEZ 2010Por DA REDAÇÃO06h:15

Muito já foi escrito sobre John Lennon (1940-1980) e tantos mitos envolvem sua história. Músico, artista, autor, sonhador, visionário, ator, ativista político e herói cultural, às vezes é difícil distinguir o homem do mito. Para entendê-lo em suas diferentes facetas, a Escrituras Editora publica sua fotobiografia, A vida de John Lennon, com texto de John Blaney e editado por Valeria Manferto De Fabianis, publicação que celebra sua condição permanente como um ícone lendário do rock’n’roll.
O livro apresenta, em mais de 180 fotos, toda a trajetória de John Winston Lennon, desde sua infância aos últimos dias em Nova Iorque, o encontro com Paul MacCartney e George Harrison – que formaram sua primeira banda, a The Quarrymen –, os primeiros shows dos Beatles, as composições com MacCartney, as viagens para a Alemanha, que projetaram o grupo, a entrada de Richard Starkey, o Ringo Starr, com imagens do seu registro de nascimento e as gravações do filme How I Won The War.
Nascido em Liverpool, Inglaterra, no dia 9 de outubro de 1940, Lennon foi o único filho de Alfred e Julia Lennon. Aos cinco anos de idade, foi morar com os tios, e desde cedo começou a ler jornais e logo se apaixonou pelos livros, que ele devorava entusiasmado. Apesar da educação rígida, Lennon muitas vezes se metia em encrencas com brincadeiras na sala de aula. Apesar de ser brilhante, não tinha talentos acadêmicos e a rebeldia e a criatividade já eram evidentes.
Das agitadas canções pop adolescentes aos hinos de paz, Lennon se expressou com uma honestidade que raramente se viu. Com os Beatles, e depois em sua carreira solo, ele mudou a expressão da cultura popular para sempre.
No final da sua vida, colaborou com Yoko Ono e se dedicou a disseminar uma mensagem de paz e amor no mundo inteiro. Sua fama garantiu que seria um dos homens mais fotografados do século XX. As imagens deste livro registram muitos eventos e marcos de sua infância em Liverpool ao início dos Beatles, de seus projetos individuais inovadores ao seu relacionamento com Yoko Ono.
A obra apresenta formato diferenciado, com capa flexível, mais de 180 fotos e prefácio de Yoko Ono Lennon.
“Esse livro ilustra maravilhosamente a vida incrível de John Lennon. Uma vida mais estranha do que a ficção, e mágica, em vários aspectos. Como John disse: ‘A vida é o que acontece enquanto você está ocupado fazendo planos’. Divirta-se viajando no tempo com ele, em cada página deste livro. Quando eu o vejo nestas fotos, automaticamente olho nos olhos dele. Você vê que às vezes ele coloca o queixo pra cima, com um ar bem petulante. Mas seus olhos nunca perderam o brilho... que o mantinha sempre motivado. Espero que aprecie”, escreveu Yoko Ono Lennon, no prefácio do livro.

Sobre o autor:
John Blaney, grande fã dos Beatles, traz a experiência e a seriedade de um historiador profissional às suas obras. Seus livros anteriores incluem: Lennon and McCartney: Together Alone e Beatles For Sale. Além disso, escreve para a revista Shindig!. Nasceu em Devon, na Inglaterra, e foi estagiário como designer gráfico antes de começar a sua carreira como escritor de música. Depois, estudou história da arte na Camberwell College of Arts e na Goldsmiths College (ambas em Londres), antes de assumir sua função atual de curador de um museu de tecnologia.

Leia Também