14 já foram presas por fraude e desmatamento no MT e no MS

14 já foram presas por fraude e desmatamento no MT e no MS
11/05/2009 13:02 -


     

         

         

A Operação Cupim, realizada hoje (11), já cumpriu 14 mandados de prisão e 22 de busca e apreensão contra empresários de Mato Grosso e servidores públicos de Mato Grosso do Sul. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, em pouco mais de um ano, a organização criminosa tenha movimentado mais de R$ 10 milhões com o desmatamento na Amazônia. Pelo menos 650 caminhões e carretas teriam utilizado o esquema. O objetivo da Operação é desmantelar uma quadrilha que desmatava ilegalmente a floresta Amazônica, falsificava documentos, sonegava impostos, além de corromper servidores públicos e lavagem de dinheiro.

Com informações da Agência Estado

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".