Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Viciado em 'selfies', jovem tenta se matar por não conseguir a foto perfeita

25 MAR 14 - 02h:00correio24horas

Viciado em tirar 'selfies', um britânico de 19 anos tentou se matar porque não conseguia tirar a foto perfeita. Obcecado por postar fotos suas nas redes sociais, Danny Bowman passava 10 horas por dia tirando até 200 selfies. De acordo com o site Daily Mail, o jovem largou os estudos, não saiu de casa por seis meses e perdeu 30 quilos - tudo na tentativa de tirar uma foto perfeita.

A obsessão começou em 2011, aos 51 anos, depois que Danny conseguiu um trabalho de modelo, algo que ele sonhava ser desde criança. "Eu vivia em busca da 'selfie' perfeita, e quando me dei conta que não conseguia tirar uma, eu queria morrer. Eu perdi meus amigos, minha educação, minha saúde e quase perdi a minha vida", disse o rapaz em entrevista ao jornal britânico Sunday Mirror.

"A única coisa com que eu me importava era estar sempre com me celular, para que eu pudesse satisfazer a minha necessidade de tirar uma foto minha a qualquer momento do dia". Ele ainda revelou que olhava fotos do ídolo dele, Leonardo Di Caprio, e tentava replicar as poses. 

Os pais de Danny tentaram confiscar seu telefone, mas ele se tornava agressivo a cada tentativa. Quando ele postava fotos nas redes sociais, os comentários negativos sobre o seu nariz ou sua pele o atingiam profundamente. "A perfeição é impossível, mas eu continuava a tirar fotos. Eu queria ter uma que fosse completamente perfeita. Eu passava dez horas por dia em busca disso, tirando mais de 200 selfies", disse.

Frustado por não conseguir atingir seu objetivo, Danny tentou se matar com uma overdose de remédios. Ele foi salvo pelo mãe, que conseguiu encontrá-lo a tempo. Hoje em dia, o jovem está em tratamento intensivo para controlar o vício em tecnologia e tratar o Transtorno Dismórfico Corporal. 

Primeiro viciado em selfies no Reino Unido, a dependência deste tipo de prática está sendo reconhecida aos poucos pelos psiquiatras como um problema grave. Para o psiquiatra David Veal, que trata Danny, este problema vai além da vaidade. "É uma das doenças mentais com a mais alta taxa de suicídio", disse o especialista ao jornal britânico.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Prefeitura abre processo seletivo com 180 vagas na área da educação
CAMPO GRANDE

Prefeitura abre processo seletivo com 180 vagas na área da educação

Sob nova direção, termelétrica é esperança de MS driblar crise do gás

Sob nova direção, termelétrica é esperança de MS driblar crise do gás

Brasil e China firmam acordos em áreas como política, comércio e saúde
ENCONTRO DOS BRICS

Brasil e China firmam acordos em áreas como política, comércio e saúde

Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 6,5 milhões
LOTERIA

Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 6,5 milhões

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião