Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PROPAGANDA

TJ decide que Lei da Pornografia em Campo Grande é constitucional

27 JUL 11 - 18h:00laís camargo

Esta tarde foi votado o mérito da lei que restringe propagandas com conteúdo pornográfico. Em votação do Órgão Especial do TJ (Tribunal de Justiça) ela foi julgada constitucional. Desde fevereiro a lei estava suspensa quando o Sindicato das Agências de Propaganda de Mato Grosso do Sul moveu ação contra o veto.

O argumento do Sindicato seria a inconstitucionalidade da lei, mas foi derrubado hoje pelos desembargadores. Esta lei foi proposta pelo presidente da Câmara, Paulo Siufi (PMDB), e determina a proibição de propagandas com pessoas vestidas em trajes íntimos, por exemplo.

Após discussões, as agências de publicidade entraram com a ação em novembro, considerando a lei como censura. Para impedir o veto, as agências terão que recorrer a instâncias superiores do Judiciário contra a medida, como o Superior Tribunal de Justiça (STJ) e STF (Supremo Tribunal Federal).

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

OPINIÃO

Carlos Roberto Merlin Júnior: "Cola, ética e escola"

Graduado em Filosofia, Sociologia, História e especialista em Ética.
1° TABELIONATO DE PROTESTO

Edital de Intimação do município de Campo Grande 24/07/2019

PREFEITURA

Atos Oficiais do município de Campo Grande 24/07/2019

Felpuda

Mais Lidas