Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

Sony e outras empresas desistem de apoiar ação anti-pirataria

4 JAN 12 - 02h:00techtudo

Voltando atrás em suas decisões de apoiar a ação anti-pirataria criada pelos Estados Unidos em outubro do ano passado, companhias como a Sony, Nintendo e a Electronic Arts desistiram de apoiar a causa. A intenção do SOPA (Stop Online Piracy Act) é “promover prosperidade, criatividade, empreendedorismo e inovação, combatendo o roubo de propriedades intelectuais norte americanas.

Mas em contrapartida, essa ação também é vista como uma censura à liberdade de expressão, onde possíveis violadores teriam seus sites fechados de maneira discreta, impactando dessa forma alguns sites com conteúdos criados por usuários, como o famoso YouTube.

Apesar das três empresas citadas não estarem mais inclusas na lista de apoiadores da causa, elas continuam sendo membros da Entertainment Software Association, a organização que está por trás dessa ação. Curiosamente, a saída da Sony foi confirmada pouco tempo depois do grupo hacker Anonymous ter ameaçado a companhia, prometendo destruir novamente a rede devido ao suporte ao SOPA.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Paródia dos telejornais, programa de humor estreia nesta terça-feira
HUMOR

Paródia dos telejornais, programa de humor estreia nesta terça-feira

DESASTRE AMBIENTAL

Um ano após Brumadinho, alta cúpula da Vale tenta se defender de acusações

Na estreia no Carioca, Vasco só empata com o Bangu e decepciona a torcida
FUTEBOL

Na estreia no Carioca, Vasco só empata com o Bangu e decepciona a torcida

Aliados de 'Minotauro' estão entre presos do PCC fugitivos de prisão no Paraguai
FUGA EM MASSA

Aliados de 'Minotauro' estão entre presos do PCC fugitivos de prisão no Paraguai

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião