Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 15 de novembro de 2018

caso wanessa

Rafinha Bastos pode pagar até R$ 100 mil de indenização

14 OUT 2011Por uol09h:54

A cantora Wanessa Camargo e o empresário Marcus Buaiz podem receber até R$ 100 mil de indenização de Rafinha Bastos, segundo informou a advogada Fernanda Parodi ao UOL, por telefone. "Essa quantia é uma estimativa, o valor da causa foi estipulado em R$ 100 mil, mas caberá ao juiz definir, sendo mais ou menos", explicou a advogada. O casal entrou com ação por danos morais contra o humorista na última quinta-feira (13). "Eles (Wanessa e Marcus Buaiz) ainda irão acionar o humorista criminalmente", disse Parodi.

Segundo a petição, o comentário feito contra Wanessa feriu os valores da família e ignorou a condição de casada da cantora. "Era esperado que ele refletisse sobre o caso e considerasse a repercussão negativa que suas declarações tiveram para pedir desculpa, ou, no mínimo, buscar suavizar o comentário e anunciasse a ausência de intuito ofensivo." A defesa alega que o humorista não demonstrou arrependimento, mas, ao contrário, “se envaideceu”.

De acordo com o colunista Flávio Ricco, do UOL, Rafinha Bastos apresentou seu pedido de demissão ao diretor de planejamento, Juca Silveira, na última semana.

Entenda o caso
No programa "CQC" do dia 20 de setembro, o apresentador Marcelo Tas comentou: "Que bonitinha que está a Wanessa Camargo grávida". No mesmo instante, Rafinha Bastos rebateu: "Eu comeria ela e o bebê. Não tô nem aí".

Houve especulações de que os apresentadores se revezariam na bancada e até que a própria Wanessa apresentaria, o que não aconteceu. Em entrevista ao bate-papo UOL, a cantora não quis comentar o caso.

Na última segunda-feira (3), Monica Iozzi substituiu Rafinha no programa dizendo que o humorista teve uma "cãibra da braba na língua". O afastamento dividiu opinões no Twitter e alguns fãs de Bastos chegaram a questionar a posição da Band em relação ao caso de Boris Casoy, que falou sobre os garis durante o jornal da emissora e criaram a tag #voltarafinha.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também