Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

chinesas

JAC e Chery reestilizam seus carros no Brasil

22 JUN 13 - 09h:00FOLHA PRESS

As maiores montadoras chinesas presentes no Brasil estão com o calendário afinado: JAC Motors e Chery apresentaram novidades na mesma semana. A primeira lançou a versão 2014 do compacto J3, que passou por uma boa reforma visual. Faróis, capô e para-choque dianteiro são novos no hatch, que custa R$ 35.990. A versão Turin (sedã) custa R$ 1 mil a mais e inclui lanternas traseiras redesenhadas no pacote de mudanças.

O interior também foi revisto. O painel com instrumentos sobrepostos e iluminação azul foi substituído por um conjunto de melhor visualização, com velocímetro e conta-giros separados. O ar-condicionado passa a ter regulagem eletrônica de temperatura e o volante incorpora os comandos do som.

O motor é o mesmo 1.4 16v a gasolina (108 cv) da versão anterior. A opção com apelo esportivo (1.5 flex, de 127 cv) deve estrear em setembro.

Na Chery, a novidade é o Tiggo 2014 (R$ 51.990). O utilitário esportivo que marcou a chegada da marca chinesa ao mercado nacional em 2009 também apresenta mudanças no desenho. No exterior, houve alterações nos para-choques dianteiro e traseiro, na grade frontal, nos faróis, nos frisos laterais e nas lanternas. O interior também foi reformulado e ganhou um novo painel, além de display com bússola e volante com controle de áudio.

Tanto o J3 quanto o Tiggo trazem ar-condicionado, direção hidráulica, acionamento elétrico de travas, vidros e retrovisores, freios ABS, airbag duplo, sistema de som, sensores de ré e rodas de liga leve entre os itens de série.
 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Confira o horóscopo deste sábado
ASTRAL

Confira o horóscopo deste sábado

BRASIL

Homem é preso por compartilhar cenas de abuso sexual infantil

CORREIO DO ESTADO

Confira o editorial deste sábado (23): "Prevenir é sempre melhor"

ARTIGO

Venildo Trevizan: "Caminhos"

Frei

Mais Lidas