Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, sexta, 18 de janeiro de 2019

RÚSSIA

Ex-presidente Vladimir Putin é candidato em 2012

25 SET 2011Por 00h:02

O presidente russo, Dmitri Medvedev, propôs neste sábado a candidatura do primeiro-ministro Vladimir Putin para as eleições presidenciais de 2012 e pediu apoio ao partido governante, Rússia Unida, em discurso neste sábado, em Moscou.
“Considero que seria correto que o Congresso apoie a candidatura do presidente do partido Vladimir Putin para a presidência da Rússia”, disse Medvedev diante dos delegados do congresso da Rússia Unida.
Putin afirmou que seria uma grande honra para ele ser candidato à presidência em 2012 e acrescentou que Medvedev poderá ser o próximo chefe de Estado.
Medvedev e Putin fizeram neste sábado vários discursos no congresso do partido Rússia Unida, celebrado no Palácio dos Esportes Lujniki, em Moscou

SEM DISPUTA
Na semana passada, Putin já tinha dado sua indicação mais forte de que pretendia disputar as próximas eleições presidenciais do país, em 2012, e rechaçou uma futura disputa com Medvedev.
“Em 2012 nós devemos pensar juntos e levar em conta as realidades do momento, nossos planos pessoais, o cenário político, e aí vamos tomar a decisão”, disse na época o premiê.
Putin, que foi presidente por dois mandatos, de 2000 a 2008, e ainda ajudou a eleger Medvedev, disse que a transição do poder entre 2007 e 2008 foi tranquila e que não há espaço para competição com o atual presidente, com quem “compartilha visões sobre política”.
Em 2008, Medvedev aprovou uma lei que mudou a Constituição para estender o mandato presidencial de 4 para 6 anos, a partir de 2012. A medida foi vista como uma manobra para perpetuar a era Putin, iniciada em 2000.
Caso se eleja por mais duas vezes seguidas, Putin poderá ficar no poder até 2024, quando terá 72 anos.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também