Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

LIGA DOS CAMPEÕES

Bayern aplica nova surra no Barcelona

1 MAI 13 - 16h:36TERRA

Se restava alguma dúvida da superioridade do Bayern de Munique sobre o Barcelona, ela acabou nesta quarta-feira. Afinal, mais uma vez o time alemão aplicou uma surra sobre o espanhol e acabou qualquer chance de um milagre na Catalunha. O Barcelona precisava fazer pelo menos quatro gols para avançar na Liga dos Campeões, mas na prática jogou mal e perdeu por 3 a 0. O resultado confirma o clássico germânico na decisão da Liga dos Campeões: Bayern de Munique e Borussia Dortmund vão decidir a maior competição europeia de clubes no dia 25 de maio, no Estádio Wembley, em Londres.

O começo do jogo teve poucas emoções e só chamou atenção por causa de um lance polêmico, em que Daniel Alves tocou para trás, e Valdés agarrou a bola. O time alemão reclamou do recuo de bola, mas o juiz nada marcou. Mesmo assim o Bayern se mostrou mais perigoso, sempre marcando a saída de bola do time catalão. A primeira chance de gol real só surgiu aos 12min, quando Robben foi lançado e ficaria de frente para Valdés, mas demorou para avançar e foi interceptado por Piqué ao tentar um drible.

Com Villa no lugar de Messi, o Barcelona teve menos movimentação e mostrou dificuldade até para controlar a posse de bola. Só depois dos vinte minutos iniciais as primeiras oportunidades começaram a surgir: Pedro teve bom chute de longe defendido por Neuer, aos 23min; e Xavi aproveitou bola escorada por Fàbregas na área, mas errou por pouco a finalização, três minutos depois.

Por causa desses lances ou apenas pelo cansaço o Bayen passou a fazer uma marcação mais recuada no final do primeiro tempo. Mas o Barcelona mostrou desespero, errou passes e finalização e não soube aproveitar a pressão que criou até o fim do primeiro tempo, que terminou mesmo 0 a 0.

Havia expectativa pela entrada de Messi na etapa final, mas ele ficou no banco e logo a esperança do Barcelona acabou de vez: aos 3min, Robben foi lançado na direita, aplicou um corte para a esquerda dentro da área e chutou para aumentar a já grandiosa vantagem do Bayern. Era o que bastava para esfriar o jogo de uma vez por todas.

Tito Villanova abandonou de vez a opção de colocar Messi em campo, já que respondeu apenas com as entradas de Alexis Sánchez e Thiago Alcântara. Do outro lado o Bayern passou a administrar a vitória e até aproveitar para poupar jogadores suspensos, como Schweinsteiger.

Mesmo assim a vitória foi ampliada: aos 26min, Luiz Gustavo lançou nas costas da defesa catalã para Ribery, que cruzou para Mandzukic, mas Piqué errou ao cortar a bola e marcou gol contra. Quatro minutos depois, o terceiro gol saiu de novo dos pés de Ribéry, que fez jogada individual pela direita e cruzou na medida para Müller marcar de cabeça. Também suspensos, Martínez e Lahm também foram poupados do final do jogo, que não teve mais emoção e só confirmou a festa alemã na Catalunha.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

OPINIÃO

Benedito Rodrigues da Costa: "Seguro de vida para consignados"

Economista
PREFEITURA

Atos Oficiais do município de Campo Grande 22/08/2019

1° TABELIONATO DE PROTESTO

Edital de Intimação do município de Campo Grande 22/08/2019

Felpuda

Mais Lidas