Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FUTEBOL

Wellington é apresentado no Vasco e ganha status de 'o mais empolgado'

Wellington é apresentado no Vasco e ganha status de 'o mais empolgado'
30/05/2017 14:40 - Folhapress


"De todos os atletas que vieram, é o que chegou mais empolgado". Foi com esta avaliação que o vice-presidente de futebol, Eurico Brandão, o Euriquinho, apresentou o mais novo reforço do Vasco: o volante Wellington, contratado por empréstimo junto ao São Paulo até o fim desta temporada.

Ao explicar os motivos pelo qual ganhou este status, o jogador de 26 anos revelou que tentou de todas as maneiras ficar apto e regularizado para enfrentar o Fluminense no clássico em São Januário do último domingo.

"Eu queria ter chegado um pouco antes para o jogo, mas infelizmente não deu. Foi engraçado que eu estava no camarote e falei: 'vamos descer para ver o gol da vitória atrás do gol', e acabou que ele saiu. A gente pulou, se abraçou... Eu já estava na concentração com eles, conheço alguns jogadores e isso facilitou", declarou.

A vitória de virada, carregada de emoção, com o estádio lotado, impressionou o volante, que já está ansioso para atuar no "Caldeirão":

"Pude sentir a torcida de perto no camarote. Fiquei impressionado com a vibração deles, o apoio deles e, com certeza, quero atuar o quanto antes dentro de casa para fazer o melhor".

Se dizendo polivalente e com a oportunidade de já ter atuado junto com jogadores como Luís Fabiano, Breno, Paulão, Kelvin e Gilberto, ele garante que já está apto a jogar.

"Treino com GPS aqui e no São Paulo também. E isso sempre mostrava que estava em forma física de jogo. Eu sempre treinei como um jogo. Estou preparado, pronto, claro que vai faltar um pouco de ritmo, mas o resto é me dedicar ao máximo", declarou.

Wellington disputará vaga principalmente com Jean, que tem sido o titular do setor no esquema do técnico Milton Mendes.

Felpuda


Alguns políticos estão se aproveitando deste momento preocupante de pandemia para sugerir projetos oportunistas que, em alguns casos, são de resultados extremamente duvidosos. O mais interessante – para não dizer outra coisa – é que se for analisado o desempenho normal dessas figuras, verifica-se que essa preocupação toda nunca esteve no topo das suas prioridades. Ano eleitoral é assim mesmo. Lamentável!