Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

TÉCNICO

Vadão deixa a Seleção Brasileira Feminina de Futebol

CBF ainda não confirmou um novo nome para dirigir a Seleção
22/07/2019 19:00 - AGÊNCIA BRASIL


 

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) informou hoje (22) que o técnico Oswaldo Alvarez, Vadão, deixa o comando da Seleção Brasileira Feminina. Em sua segunda passagem pela equipe, Vadão esteve à frente da seleção durante um ano e dez meses. Em nota, a CBF agradeceu o trabalho e a dedicação demonstrada no período

Vadão dirigiu a seleção nos Jogos Olímpicos Rio 2016, ficando em quarto lugar, e em duas edições de Copas do Mundo, no Canadá em 2015 e na França em 2019. Conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos Toronto 2015, além de duas Copas América, em 2014 e 2018, além de garantir vaga no Mundial da França (2019) e nas Olimpíadas de Tóquio 2020. 

A CBF ainda não confirmou um novo nome para dirigir a Seleção Feminina Principal. 

* Com informações da CBF

Felpuda


Em uma das eleições em MS, candidato já oficializado na convenção corria o trecho para conquistar os eleitores. Mal sabia, porém, que time do seu partido e de aliados estava tramando sua derrubada para emplacar substituto que teria mais votos. Por muito pouco, o dito-cujo não foi guilhotinado, conseguindo salvar o pescoço. Agora tudo indica que o mesmo processo estaria em andamento e seria mais fácil, pois a “vítima” desta vez ainda é só pré-candidato. Dizem que a “turma da trairagem” tem know-now no assunto.