Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 19 de novembro de 2018

TÊNIS

Sharapova derruba Halep na estreia do US Open e volta a vencer em Slams

29 AGO 2017Por SporTV14h:43

Em condições normais, Maria Sharapova x Simona Halep seria uma final de Grand Slam. Mas com a volta da punição por doping e algumas paradas por lesões, a russa estacionou como 146ª do ranking e precisou ser convidada para disputar o US Open, seu primeiro Grand Slam desde o retorno às quadras - o último havia sido o Aberto da Austrália, em 2016, onde ela foi flagrada.

O sorteio a colocou justamente contra a romena número 2 do mundo. Nesta segunda, o sonho de Halep chegar ao topo do ranking possivelmente foi novamente adiado (dependendo de combinações de resultados das adversárias, ela ainda pode chegar o número 1 em Nova York) por uma Sharapova que brilhou não apenas no vestido, mas nas devoluções precisas de saque e alcançou sua primeira vitória em Majors depois de 19 meses: 6/4, 4/6 e 6/3. Com a devolução para fora da romena, a russa ajoelhou e chorou de emoção.   

- Você nunca sabe o que vai sentir até ganhar o match-point e você não pode controlar o que passa por sua mente - disse a emocionada vencedora, que vai enfrentar a húngara Timea Babos, número 59 do ranking.

A vantagem psicológica era da russa de 30 anos, campeã em 2006 do US Open. Em seis confrontos foram seis vitórias contra a jogadora de 25 anos, sendo a última no WTA Finals em 2015. 

O primeiro set foi intenso e marcado por trocas de quebras de saque. Sharapova começou mais agressiva e fazendo a romena correr bastante. Quebrou Halep no quarto game com um belo winner de devolução de saque. A romena tratou de reagir logo. Parou de esperar pelos erros da russa, mudou a tática tomando a iniciativa e devolveu a quebra no game seguinte. Mas a russa seguia muito bem na devolução: nova quebra e 4/2. A romena reagiu, aproveitando os erros de Sharapova no primeiro saque. A quinta quebra do set foi decisiva na parcial. Halep sacou curto e Sharapova aproveitou para sair em vantagem: 6/4. 

Sharapova seguia mais consistente em quadra, com uma ótima devolução, e assim como no primeiro set quebrou Halep para abrir 4/1. A romena voltou a pressionar, cresceu no jogo e conseguiu devolver a quebra. Sacando melhor, e ainda contando com a queda de rendimento da adversária, Halep venceu cinco games seguidos para fazer 6/4 e empatar o jogo. 

A russa voltou melhor para o set decisivo e voltou a vencer um game. Em uma jogada para retomar de vez a confiança, Sharapova salvou de voleio no contrapé, quebrou o saque de Halep e abriu 3/0. A romena lutava bravamente, mas não conseguiu evitar a derrota e a nova chance perdida de chegar ao topo do ranking mundial. No fim foram 64 erros não forçados de Sharapova contra apenas 14 de Halep. Mas a russa aplicou 60 winners contra apenas 15 da romena e voltou a sorrir (ou a chorar de felicidade) após 2h44 na quadra central do US Open, o Arthur Ashe Stadium lotado por 23 mil torcedores. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também