COPA DO MUNDO FEMININA 2019

São Paulo homenageia Cristiane, e internautas pedem artilheira no time de Cuca

Jogadora fez três gols na estreia brasileira ante Jamaica
10/06/2019 08:33 - RAFAEL RIBEIRO


 

Cristiane foi o destaque da Seleção Brasileira na vitória por 3 a 0 sobre a Jamaica, no último domingo, pela estreia da Copa do Mundo da França. Com três gols anotados, a atacante foi homenageada nas redes sociais do clube pelo qual atua, o São Paulo.

Nos comentários do post do Tricolor no Instagram, no entanto, os internautas não perdoaram e aproveitaram para alfinetar o time dirigido por Cuca. Vários deles pediram Cristiane na equipe masculina do São Paulo.

“Põe no ataque do profissional masculino pelo amor de Deus!!!”, escreveu um internauta. “Alguém desse time tem que fazer gol”, escreveu outro. “Leva pro masculino”, pediu um torcedor. Um outro aproveitou para criticar a diretoria: “Joga mais que o time inteiro do São Paulo. Se bem que o erro já começa quando nosso digníssimo presidente é o Leco”.

Aos 34 anos, Cristiane é a principal estrela do time feminino do São Paulo. Inclusive, ela participou do evento que lançou o novo uniforme do Tricolor, ao lado de Hernanes e Helinho.

A ironia dos internautas se deve ao mau momento do setor ofensivo do time de Cuca. O São Paulo tem o quinto pior ataque do Campeonato Brasileiro, com sete gols, após oito rodadas. Pablo e Hernanes, com quatro tentos, são os artilheiros da equipe no ano.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".