Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Salvador

São Paulo arranca vitória em Salvador mas fica na zona do rebaixamento

17 SET 17 - 18h:30Folhapress

Penúltimo colocado, e jogando pressionado pelos demais resultados da rodada, o São Paulo sofreu, mas conseguiu vencer o Vitória por 2 a 1 em Salvador pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O time do Morumbi mais uma vez mostrou o que é jogar sob o risco de cair. Cedeu um gol aos 45 minutos do segundo tempo e passou quatro minutos de desespero no Barradão.

Santiago Trellez fez o gol do Vitória, aproveitando um rebote, depois de a bola bater na trave.

O primeiro gol do jogo saiu aos 7 minutos do segundo tempo. Militão, que vem jogando na lateral direita, escorou de cabeça escanteio cobrado por Lucas Fernandes.

O 2 a 0 também saiu de bola parada. Cueva bateu escanteio e Fillipe Soutto marcou contra.
Apesar dos três pontos, o que não ocorria há três jogos, o time dirigido pelo técnico Dorival Júnior não deixou a zona de rebaixamento.

O São Paulo agora ocupa a 17ª posição e vai precisar somar pontos no clássico contra o Corinthians, domingo (24), às 11h no Morumbi para, dependendo dos outros resultados, sair das últimas quatro posições da tabela.

O jogo no Barradão era um encontro de campanhas ruins. O São Paulo fez 13 jogos fora de casa no Brasileiro, a vitória deste domingo (17) foi a segunda do time tricolor como visitante. Antes ganhou do Botafogo no Rio.

O Vitória, que também está na zona do rebaixamento, tem agora oito derrotas em casa. O pior desempenho como mandante.

Depois de um primeiro tempo equilibrado, com poucos lances de área dos dois lados, o São Paulo voltou do intervalo com Cueva no lugar de Jonathan Gómez.

O peruano, que virou reserva após atuações desligadas como titular, armou algumas jogadas na etapa final. Inclusive o lance que gerou o escanteio do primeiro gol do São Paulo.

Sem Jucilei, suspenso por causa da expulsão contra a Ponte Preta, o meio campo do São Paulo entrou com Petros, Gómez, Lucas Fernandes, Hernanes e Marcos Guilherme.

O setor controlou mais a bola do que o adversário, com mais de 90% de acerto nos passes. E 54% de posse de bola.

A defesa do São Paulo, que voltou a tomar gols, agora são 36 gols sofridos em 24 jogos, ficou insegura nos minutos finais do jogo.

VITÓRIA
Fernando Miguel; Caique Sá (Fillipe Soutto), Kanu, Wallace Reis e Patric; Ramon, Uilian Correia (Carlos Eduardo) e Yago; Neilton (Cleiton Xavier), Kieza e Trelléz.
T.: Vagner Mancini.

SÃO PAULO
Sidão; Militão, Arboleda, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Petros, Gomez, Hernanes, Lucas Fernandes e Marcos Guilherme; Lucas Pratto (Thomaz).T.: Dorival Júnior.

Árbitro: Rodolpho Toski Marques - PR
Auxiliares: Bruno Boschilia e Victor Hugo Imazu dos Santos, ambos do Paraná
Cartões amarelos: Patric, Uilian Correia, Cleiton Xavier (Vitória); Arboleda, Gomez (São Paulo)
Gols: Militão aos 7 minutos do segundo tempo (SAO) e Fillipe Soutto (contra), aos 36 do segundo tempo; e Trellez, aos 45 minutos do segundo tempo (VIT)

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Com adversário indefinido, Seleção desembarca em Porto Alegre
COPA AMÉRICA 2019

Com adversário indefinido, Seleção desembarca em Porto Alegre

VÔLEI

Brasil vence Rússia e avança à fase final da Liga das Nações

Jogos de hoje definem adversário do Brasil nas quartas de final
COPA AMÉRICA 2019

Jogos de hoje definem adversário do Brasil nas quartas de final

TORNEIO MUNDIAL

Filipe Toledo conquista bicampeonato no mundial de surfe em Saquarema

Vitória elevou Felipe ao 3º lugar no ranking mundial

Mais Lidas