Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

BRASILEIRÃO 2019

Presidente do Santos quer reunião com Ceará para repudiar atos racistas

19 OUT 19 - 13h:00DAS AGÊNCIAS

O Santos conseguiu um resultado importante ao derrotar o Ceará, nesta quarta-feira, mas um episódio polêmico fora de campo foi muito debatido após o apito final. O meio-campista Thiago Galhardo afirmou que seu companheiro de equipe Fabinho foi alvo de insultos racistas por parte da torcida do Peixe. Nesta sexta-feira, o Alvinegro Praiano garantiu que tomará providências em relação às supostas injúrias raciais.

O presidente José Carlos Peres entrou em contato com o volante Fabinho e o presidente do Ceará, Robinson de Castro, para reforçar o repúdio do clube e da torcida sobre o lamentável episódio da última quinta. Uma sindicância interna já foi aberta para apuração total dos fatos.

O perfil do Santos publicou nas redes sociais que “entrou em contato com o volante Fabinho e o presidente do Ceará, Robinson de Castro, para reforçar o repúdio do clube e da torcida sobre o lamentável episódio da última quinta. Uma sindicância interna já foi aberta para apuração total dos fatos”.

O acontecimento envolvendo a torcida do Santos só foi tornado público em entrevista de Thiago Galhardo após a partida. Além de relatar as ofensas raciais, o meio-campista ainda revelou que os jogadores do Vozão foram alvo de preconceito regional.

“Acho que eles vem ver o espetáculo, que foi bonito, parabéns pela vitória do Santos. Mas querem menosprezar o Fabinho, a mim, fazer auto racismo chamando de negão, vagabundo… Futebol perde sua essência. Brasileiro tem que se controlar mais. Não pode ter isso, o cara ficar, ao meu ver, embriagado, xingar a gente… Tinha que estudar um pouco mais, conhecer a geografia no Brasil, falar que o Ceará joga no Norte, ou eu que não entendo muito, estudei de sacanagem…”, lamentou o jogador do Ceará ao Esporte Interativo.Bem: Gustavo Henrique teve atuação segura e fez o gol da vitória. O ponto negativo foi insistir em lançamentos longos (e errados) (Foto: Ivan Storti/SFC)
Mal: Evandro foi o pior do Santos. Participou pouco e acabou encaixotado na marcação (Foto: Ivan Storti/SFC)
Bem: Sánchez deu as assistências para Eduardo Sasha e Gustavo Henrique. Foi o melhor do Santos (Foto: Ivan Storti/SFC)

O Santos saiu perdendo para o Ceará com gol de Lima. Na segunda etapa, o Peixe conseguiu a virada com tentos de Eduardo Sasha e Gustavo Henrique. Com a vitória, a equipe de Jorge Sampaoli foi a 51 pontos, na terceira colocação. Na próxima rodada, o time visita o Atlético-MG, no domingo.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Torcida lota porta do CT para se despedir do elenco do Fla antes da viagem a Lima
LIBERTADORES

Torcida lota porta do CT para se despedir do elenco do Fla antes da viagem a Lima

CBF divulga calendário exclusivo do futebol feminino para temporada de 2020
BRASILEIRÃO FEMININO

CBF divulga calendário exclusivo do futebol feminino para temporada de 2020

Após má fase, Rodrigo Caio aponta 'orgulho' por disputar final da Libertadores
FLAMENGO

Após má fase, Rodrigo Caio aponta 'orgulho' por disputar final da Libertadores

Pelé comemora 50 anos de seu histórico milésimo gol na carreira
REI DO FUTEBOL

Pelé comemora 50 anos de seu histórico milésimo gol na carreira

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião