Quarta, 13 de Dezembro de 2017

Copa das Confederações

Na despedida lusa de Kazan, Pepe dá show de simpatia e atende a fila de fãs

19 JUN 2017Por GloboEsporte.com11h:06

Nos seis dias em que a seleção portuguesa esteve em Kazan, na primeira semana da Copa das Confederações, muitos fãs se colocaram na porta do hotel em que o time ficou hospedado dia e noite. E o zagueiro Pepe fez valer a espera de muitos deles na despedida, ao menos temporária, do time luso de tal sede, na manhã desta segunda-feira (tarde no horário local).

O brasileiro naturalizado português passou cerca de 10 minutos dando atenção a uma fila de fãs antes de entrar no ônibus que levou a equipe até o aeroporto para o embarque rumo à capital Moscou.

Pepe deu um show de simpatia. Atleta do Real Madrid, o zagueiro é um dos jogadores da Copa das Confederações mais conhecidos entre a torcida russa. Por isso, ao avistarem o defensor, os fãs começaram a gritar o seu nome. Alguns puxaram o coro de "um autógrafo, por favor", em um português carregado de sotaque russo. Foi a deixa para o alagoano deixar sua mala no ônibus e atender aos pedidos.

Como o hotel fica em uma esquina entre duas ruas, os torcedores se dividiam entre a porta do local, onde era possível ver a porta de saída para o ônibus, e a lateral, onde o veículo estava estacionado. Quando Pepe chegou junto à grade lateral, imediatamente quase todos correram em sua direção e esticaram pôsteres, camisas e bolas para serem autografadas. Alguns mais exaltados subiram na grade que cercava o ônibus, dando muito trabalho para os seguranças.

Enquanto o restante da delegação saía do hotel e se arrumava para ir ao aeroporto, o zagueiro fez questão de atender a toda uma fila de torcedores que se espalharam pela grande, inclusive tirando selfies. Quando terminou de dar atenção a todos, foi ao outro lado e tirou fotos com mais alguns, sendo chamado para entrar no ônibus, que deixou o hotel pontualmente às 9h30 (de Brasília).

Cristiano Ronaldo, por sua vez, apareceu apenas por poucos segundos aos fãs, entrando diretamente no ônibus - como fez quase todo o elenco, exceto Pepe e André Silva, que também deu alguns autógrafos. O craque, porém, já havia atendido alguns torcedores durante a semana na porta do hotel. Portugal pode retornar a Kazan em breve, caso se classifique em primeiro do grupo A.

A equipe lusa chega no começo da tarde desta segunda-feira a Moscou, onde enfrentará a anfitriã Rússia na próxima quarta, às 12h (de Brasília). O time de Fernando Santos busca a primeira vitória na Copa das Confederações, que pode deixá-lo na liderança do grupo A antes da rodada final contra a Nova Zelândia.

 

Leia Também