FUTEBOL

Cuca estuda se Pato volta ao São Paulo como titular ou na reserva

Cuca estuda se Pato volta ao São Paulo como titular ou na reserva
17/05/2019 11:48 - ESTADÃO CONTEÚDO


 

O técnico Cuca voltará a ter o atacante Alexandre Pato à disposição para o jogo contra o Bahia, neste domingo, às 11h, pela quinta rodada do Brasileirão. O jogador foi desfalque diante do Fortaleza por conta de uma contusão cervical sofrida há duas semanas. Cuca ainda estuda se é melhor ter Pato como titular ou entrando no decorrer do jogo. O atacante voltou a treinar com os companheiros na última quarta-feira.

"O Pato está treinando e evoluindo. Ainda não está 100%, mas ainda tem hoje (sexta) e amanhã (sábado). Probabilidade que ele volte é grande. Não sabemos se ele aguenta um jogo inteiro. Ainda estava buscando um condicionamento melhor. Depois da lesão, o jogador ainda tem um déficit porque não treina fisicamente e coletivamente. Vamos estudar se ele começa jogando ou entra no decorrer", disse Cuca, em entrevista coletiva nesta sexta-feira.

Com a provável volta de Pato, Everton ou Toró deve sair da equipe. Cuca valorizou as opções que tem no elenco tricolor. 

"São boas opções. Não pode ter um time só de 11 e pronto. São ideias, manutenção. Não quer dizer que quem não está jogando não seja importante. Estamos preparando o time todo para ter condição de jogo, e rodando conforme tem necessidade. Temos jogadores com 15 ou 16 jogos seguidos jogados 90 minutos, como Reinaldo e Antony. Temos que ter cuidados com esses jogadores também", afirmou o treinador.

São Paulo e Bahia se enfrentam neste domingo, às 11h, no Morumbi, pelo Brasileirão. A equipe paulista abre a quinta rodada na terceira colocação, com os mesmos dez pontos que Santos e Palmeiras, mas com saldo de gols menor.
 

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".