Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTE

Corrida Pedestre encerra 3ª edição dos Jogos Radicais Urbanos

Evento acontece junto com abertura do Rally dos Sertões
24/08/2019 16:41 - RAFAEL RIBEIRO E EDUARDO PENEDO


 

Mais de 300 atletas entre homens, mulheres, crianças e cadeirantes participaram na tarde deste sábado (24) da Corrida Pedestre fechando a 3ª edição dos Jogos Radicais Urbanos de Campo Grande. O evento acontece comitantemente com o Rally dos Sertões e já é tradicional como parte dos festejos pelo aniversário da cidade

Os vencedores na categoria masculinae feminina foram o casal Paulo Alves dos Santos e Carolina Alves.

Os vencedores no Kids masculino foi Jonh Emídio, em segundo lugar ficou Erick messias e em terceiro lugar Augusto Freitas. Já no Kids feminino em primeiro lugar ficou Isabely Gonçalves   em segundo lugar Ester Peixoto e terceiro Sara Vieira.

Ainda participaram do evento dois cadeirantes Guilherme de Andrade  e Julia de Almeida que fazem parte do projeto pernas solidárias.

Segundo a educadora física Mineia de Lima Barboza, 32 anos, esse projeto é de fora e está sendo implantado em Campo Grande desde maio. " Nós queremos passar para os cadeirantes a sensação de liberdade. Essa é a primeira corrida que participamos aqui em Campo Grande"explica a educadora que conta com mais quatro integrantes do Pernas Solidárias.
A largada aconteceu  às 14h na Arena do Rally dos Sertões, montada na Praça do Papa, no Bairro Santo Amaro. Foram dois quilômetros dentro do espaço e outros 6 km de prova entre ruas e avenidas da Capital.

O percurso passou pelas avenidas Alfredo Scaff, Cassiano Sandim de Rezende, Fernando de Noronha até 200 metros antes de chegar a Tamandaré, retornando pela Fernando de Noronha.

Além de medalhas de participação, a organização premiará os primeiros colocados masculino e feminino com troféus e cerca de R$ 10 mil.

Para o diretor-presidente da Fundação Municipal de Esporte (Funesp), Rodrigo Terra, o encerramento do evento municipal junto com o rally é uma "oportunidade única." "Essa edição dos Jogos fizemos com algumas características diferentes. Esse ano espalhamos pela cidade inteira, não concentramos em um local apenas. E o resultado é amplamente satisfatório", explicou

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?