Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

BRASILEIRO

Com gol solitário de Fred e defesas de Victor, Atlético-MG vence o Avaí

7 JUN 17 - 21h:00FOLHAPRESS

Não foi nada fácil para o Atlético vencer o Avaí por 1 a 0, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Independência. Não fosse a grande atuação de Victor, a primeira vitória na competição poderia não ter se concretizado nesta quarta-feira (7).

O Avaí surpreendeu e começou o jogo no ataque. Nos dez primeiros minutos, a equipe catarinense já tinha criado três boas chances. Na melhor delas, aos 2min, Juan recebeu de Marquinhos e ficou sozinho com Victor, que fez uma grande defesa.

Aos 12min da etapa inicial, o meia Valdívia teve a chance de fazer o primeiro gol com a camisa do Atlético. Após cruzamento de Robinho, a defesa do Avaí não conseguiu tirar a bola da área e o rebote ficou com Valdívia, mas o camisa 20 furou.

A chance perdida acabou se tornando um detalhe se comparado com a boa atuação do meia em sua estreia pelo Atlético. Atuando centralizado, na função que é de Cazares, Valdívia se movimentou bastante, deu velocidade ao time e deu bons passes, criando chances de gol.

Quem abriu o placar foi Fred. Sem fazer gols nos primeiros quatro jogos do Brasileiro, o atacante acabou com o jejum logo na primeira finalização diante do Avaí, aos 16min do primeiro tempo. O camisa 9 marcou de cabeça após ótimo cruzamento de Alex Silva.

Na segunda etapa, o Avaí voltou a campo decidido a empatar, mas parou em Victor. A equipe catarinense conseguiu criar boas chances, mas o arqueiro fez pelo menos três grandes defesas e manteve a vantagem.

Com a primeira vitória no Campeonato Brasileiro, o Atlético deixa a zona de rebaixamento, após uma rodada. O próximo compromisso é com o Vitória, domingo (11), em Salvador. Já o Avaí, que pode termina a rodada entre os quatro piores do Brasileirão, também volta a campo no domingo, quando recebe o Flamengo, na Ressacada.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG
Victor, Alex Silva, Erazo, Gabriel (Rodrigão) e Fábio Santos; Rafael Carioca, Yago, Elias e Valdívia; Robinho (Marlone) e Fred (Rafael Moura). Treinador: Roger Machado

AVAÍ
Kozlinski, Leandro Silva, Alemão, Betão e Capa; Luan, Simião (Lucas Otávio), Juan e Marquinhos (Vinícius Pacheco); Lourenço (Willians) e Romulo. Treinador: Claudinei Oliveira

Estádio: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Juiz: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Cartões amarelos: Fábio Santos, Yago e Elias (CAM); Lourenço (AVA)
Gols: Fred (CAM), aos 16min do primeiro tempo

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

ANOS 90

Com torneio como opção por vagas no Mundial, CBF é contra volta da Supercopa

Torneio reunia os campeões da Copa Libertadores
"Pra que eu teria dez Ferraris? Prefiro ajudar meu povo", diz jogador do Liverpool
SADIO MANÉ

"Pra que eu teria dez Ferraris? Prefiro ajudar meu povo", diz jogador do Liverpool

Maracanã vai sediar a final da Copa Libertadores de 2020
FUTEBOL 2019

Maracanã vai sediar a final da Copa Libertadores de 2020

FUTEBOL 2019

À espera de Coudet, Inter visita o Avaí para voltar a vencer no Brasileiro

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião