TORONTO

Brasil mira o quinto lugar geral na Paralimpíada

Brasil mira o quinto lugar geral na Paralimpíada
18/08/2015 08:56 - BAND


 

Após alcançar em Toronto a melhor campanha da história em Jogos Parapan-Americanos, com 109 ouros e um total de 257 pódios, o Brasil já tem uma meta para os Jogos Paralímpicos do Rio, no ano que vem. O objetivo é terminar entre os cinco primeiros colocados, superando o sétimo lugar de Londres, em 2012.

“É uma campanha que nos deixa extremamente otimistas. É claro que a Paralimpíada é uma competição diferente, mas entramos nesse último ano de preparação sabendo que podemos chegar à nossa meta, que é o quinto lugar no Rio”, explicou Andrew Parsons, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) em coletiva de imprensa realizada após o encerramento do Parapan.

Para atingir o objetivo, o CPB conta com a inauguração do novo Centro de Treinamento em São Paulo, no mês que vem. O local terá capacidade para receber até 282 atletas simultaneamente e estrutura para treinamentos e competições de 15 modalidades.

Além disso, a alteração na Lei Agnelo/Piva, em julho, aumentou o recurso destinado à CPB de R$ 39 milhões para cerca de R$ 130 milhões anuais.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".