CORRUPÇÃO

Blatter teria pechinchado direitos da Copa-2014

Blatter teria pechinchado direitos da Copa-2014
13/09/2015 06:00 - band


 

Joseph Blatter, presidente demissionário da Fifa, vendeu a um preço muito inferior ao de mercado os direitos de transmissão dos Mundiais 2010 e 2014 ao presidente da Concacaf, Jack Warner, em 2005, denunciou um canal de tv suíço.

Segundo o contrato mostrado pela televisão pública SFR, que está assinado por Blatter, os direitos de transmissão da África do Sul-2010 foram vendidos a Warner por 250.000 dólares e do Brasil-2014 por 350.000 dólares.

Jack Warner era na época vice-presidente da Fifa, além do patrão da Confederação da América do Norte, Central e Caribe (Concacaf).

O total desses direitos era aproximadamente 5% do valor de mercado, afirmou ao programa 10vor10" o empresário australiano Jaimie Fuller, promotor do "New FIFA Now", um movimento que reclama transparência dentro do organismo que dirige o futebol mundial.

É a primeira vez que o nome de Blatter aparece diretamente em um documento, segundo Fuller.

Jack Warner é acusado pela justiça americana por corrupção e lavagem de dinheiro.

Detido em seu país e libertado sob fiança, os Estados Unidos pediram sua extradição.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".