Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FÓRMULA 1

Após polêmica no Canadá, Force India <br>descarta dar ordens a pilotos

Após polêmica no Canadá, Force India <br>descarta dar ordens a pilotos
22/06/2017 17:14 - FOLHAPRESS


 

Depois da polêmica entre os pilotos da Force India no Canadá, Sergio Pérez disse que a escuderia decidiu permanecer com a mesma estratégia de não dar ordens aos competidores durante as corridas.

"Tivemos algumas discussões e a política da equipe é essa. Eles sentiram que não havia necessidade de nos dar ordens. A equipe tem todas as informações, então eles disseram que se acontecer uma situação parecida como essa, eles farão o mesmo, porque acreditam que fizeram certo", disse Sergio Pérez.

No final do Grande Prêmio do Canadá de Fórmula 1, Sergio Pérez -com pneus desgastados- estava na quarta colocação, à frente de Esteban Ocon.

O francês estava com pneus mais novos e poderia conseguir um resultado melhor que o companheiro de equipe. Apesar disso, os dois não trocaram de posição e prejudicaram o rendimento da equipe.

O mexicano, aliás, não permitiu de maneira alguma a passagem de Ocon. Logo depois, Sebastian Vettel fez a ultrapassagem e os pilotos da Force India perderam as respectivas posições. O competidor da Ferrari terminou em quarto.

"Nós discutimos depois da corrida, porque estamos com adrenalina alta. Então falamos coisas que não deveríamos ter dito. Agora já conversamos e está tudo bem entre nós", disse Pérez sobre uma possível briga com Ocon.

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?