Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

UFC 212

Aldo luta no Rio para consolidar domínio e começar uma vida nova no UFC

3 JUN 17 - 16h:04FolhaPress

José Aldo volta ao octógono neste sábado (3), pelo UFC 212, no Rio de Janeiro, para fazer sua primeira defesa de cinturão desde a derrota para Conor McGregor. A luta contra o campeão interino Max Holloway, no entanto, vale muito mais do que "apenas" o cinturão dos penas (até 65, 8 kg). Uma vitória sobre o havaiano, além de consolidar o domínio do brasileiro na categoria, pode render uma vida nova ao lutador manauara dentro da organização.

Depois de entrar em conflito com Dana White e até mesmo ameaçar se aposentar e deixar o UFC, Aldo voltou atrás, mas deixou claro que, a partir daquele momento, teria uma outra postura com a organização. No entanto, isso só deve acontecer em caso de vitória sobre Max Holloway.

A irritação de Aldo começou quando Conor McGregor, então campeão dos penas, teve seu pedido aceito para disputar o cinturão dos leves (até 70,3 kg) sem abrir mão do título da categoria de baixo -e sem sequer ter feito uma defesa na divisão inferior. O brasileiro já havia tentado fazer isso anos atrás, mas, segundo ele, sempre era impedido pela organização.

Agora, no entanto, a postura é outra. Aldo já declarou que quer dar as cartas na organização, pedindo e negando lutas, assim como Conor McGregor faz. O brasileiro também disse já ter em mente qual será seu futuro no UFC: quer lutar em outras categorias e, principalmente, fazer superlutas.

"Antes você tinha um campeão que fazia tudo para eles, que abaixava a cabeça, aceitava qualquer coisa que vinha pela frente. Hoje em dia, não. Agora a gente viu que eles abriram um caminho para que a gente possa escolher lutas, então é isso que eu quero", disse nesta semana em um evento com a imprensa.

"Fazer uma superluta é o meu maior desejo hoje. Sempre quis fazer isso, quero me testa em outras categorias, vamos ver. Depois que vencer, vou sentar com Dedé (Pederneiras, empresário) e ver o que fazemos. Já temos alguns nomes em mente, mas isso é para depois daqui", completou.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Corinthians supera a Chapecoense e se garante nas oitavas
COPA DO BRASIL

Corinthians supera a
Chape e está nas oitavas

Santos perde do Vasco no Rio, mas se classifica na Copa do Brasil
FUTEBOL

Santos perde do Vasco, mas se classifica na Copa do Brasil

LIBERTADORES

Em jogo com três pênaltis, Athletico-PR perde para o Jorge Wilstermann

Talita e Taiana avançam para fase de grupos da etapa de Xiamen
CIRCUITO MUNDIAL

Talita e Taiana avançam para fase de grupos em Xiamen

Mais Lidas