Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 15 de novembro de 2018

CAPACIDADE

Rede hoteleira cresce
45,3% em Campo Grande

Pesquisa identificou números referentes ao ano passado

20 JUL 2017Por DA REDAÇÃO05h:00

Capacidade da rede de hospedagem em Campo Grande aumentou 45,3% entre 2011 e 2016, saltando de 7.425 para 10.786 o número de leitos disponíveis, enquanto a quantidade de estabelecimentos (entre hotéis, pousadas, motéis e outros) teve crescimento de 30,3%, avançando de 99 para 129 locais.

Os dados são da Pesquisa de Serviços de Hospedagem (PSH) 2016, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em convênio com o Ministério do Turismo, para levantar os principais aspectos da rede hoteleira do Brasil.

O estudo aponta ainda que no período avaliado houve expansão de 37,7% no número de unidades habitacionais da rede de hospedagem campo-grandense (quartos, suítes, chalés), passando de 3.446 para 4.744 unidades. 

No País, conforme o IBGE, houve avanço de 15,0% no número de estabelecimentos de hospedagem entre 2011 e 2016, enquanto o número de unidades habitacionais cresceu 17,2% e o número de leitos, 15,4%. Os municípios das capitais com maior crescimento em unidades habitacionais foram Palmas (58,9%), Belém (58,8%) e Brasília (50,2%).

Comparando a estrutura de hospedagem com o tamanho da população em 2016,  Mato Grosso do Sul apresentou a segunda maior proporção de estabelecimentos de hospedagem por 100 mil habitantes do País dentre as unidades da federação pesquisadas. 

*Leia reportagem, de Daniella Arruda, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também