Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

INFLAÇÃO OFICIAL

Queda no preço de alimentos e bebidas puxa deflação na Capital

Índice Nacional de Preços ao Consumidor fechou setembro em -0,04%

9 OUT 19 - 12h:16GLAUCEA VACCARI

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado o oficial do país, registrou deflação de -0,04% em Campo Grande no mês de setembro. Dados foram divulgados hoje (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em agosto, a Capital também registrou deflação de -0,21%.

No acumulado do ano, inflação oficial de Campo Grande é de 2,30% no ano e nos últimos 12 meses é de 2,77%.

A deflação de setembro foi influenciada principalmente pela queda -0,90 % nos preços dos alimentos e bebidas. Principais quedas foram nos valores da tubérculos, raízes e legumes (-12,69%); hortaliças e verduras (-6,28%) e carnes (-1,89%). Maior aumento foi de óleos e gorduras, de 2,86%.
 
Outros grupos de despesas que tiveram deflação foram artigos de residência (-0,17%), puxado pela queda nos preços de eletrodomésticos e equipamentos, e o grupo de comunicação, com deflação de -0,03%.

Os gastos com vestuário tiveram a maior alta de preços em setembro: 0,39%. O aumento foi influenciado pelas inflações de 4,36% das joias e bijuterias e de 1,48% nos calçados e acessórios.

Saúde e cuidados pessoais e despesas pessoais registraram o mesmo índice de inflação, de 0,37%, enquanto as despesas com habitação ficaram 0,17% mais caras.

A alta nos preços do transporte foi puxada, de 0,12%, foi influenciada pela inflaçãõ de combustíveis (0,37%) e veículos próprios (0,04%), que se sobrepuseram a baixa dos gastos com transporte público (-0,07%).

No grupo da educação os preços se mantiveram praticamente estáveis, com inflação de 0,01% no mês.

No Brasil, a inflação oficial fechou setembro no mesmo índice registrado em Campo Grande, de 0,04%. A taxa é menor que as inflações de 0,11% de agosto último e de 0,48% de setembro do ano passado.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

ECONOMIA

Bancos privados fazem ofensiva e, com cooperativas, já têm 30% do crédito rural

Tributação sobre renda das empresas é uma das mais altas do mundo
CNI

Tributação sobre renda das empresas é uma das mais altas do mundo

Receita pode compartilhar dados fiscais com órgãos de controle
PARECER

Receita pode compartilhar dados fiscais com órgãos de controle

Setor turístico comemora fim da bitributação
IMPOSTO

Setor turístico comemora
fim da bitributação

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião