Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

RECEBIMENTO

Pecuaristas têm dificuldades
com promissórias da JBS

Instituições lançam campanha para pagamento à vista contra decisão do grupo

5 JUN 17 - 06h:00DA REDAÇÃO

Pecuaristas que venderam a prazo para a JBS estão com dificuldades para recebimento da Nota Promissória Rural (NPR) do grupo.

Conforme o presidente da Associação de Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Jonathan Barbosa, bancos que anteriormente realizavam o tipo de operação, após as denúncias envolvendo a companhia,  estão apresentando resistência.

“Não são todos os bancos que realizam operações rurais, mas, alguns que operam, não estão recebendo a NPR, segundo informações dos pecuaristas”.

A restrição de bancos chegou a ser discutida na reunião realizada pelos diretores da Acrissul na última quarta-feira, que contou com a participação do governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

O encontro teve como objetivo buscar possíveis saídas para a nova crise gerada no mercado após as denúncias de corrupção e delação dos irmãos Joesley e Wesley Batista.

A NPR, explicou Barbosa, serve como garantia de pagamento ao produtor nos casos de venda a prazo.

*Leia reportagem, de Renata Prandini, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Brasil tem 4,5 milhões de empresas, número em queda desde 2014
ECONOMIA

Brasil tem 4,5 milhões de empresas, número em queda desde 2014

Comércio deve contratar 5 mil temporários neste fim de ano
NO ESTADO

Comércio deve contratar 5 mil temporários neste fim de ano

ILEGAL

Ministério da Justiça recomenda denunciar vendas casadas em bancos

Secretário diz que atrelar juros a outros serviços pode ser irregular
AGRICULTURA E JUSTIÇA

Ministérios assinam acordo para combater abusos no crédito agrícola

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião