Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

INFLAÇÃO

Para governo, abertura do mercado justificou reajuste de loterias

31 OUT 19 - 22h:00AGÊNCIA BRASIL

A abertura do mercado de loterias e a expectativa de crescimento econômico nos próximos anos permitiram o reajuste nos jogos de loteria da Caixa Econômica Federal a partir de janeiro, comentou hoje (31) à noite o Ministério da Economia. Em nota, a Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (Secap), responsável por regular o setor de loterias, ressaltou que o último aumento tinha ocorrido em maio de 2015.

Segundo o comunicado o ajuste de preço foi limitado à inflação oficial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado em 12 meses. “[O ajuste nos preços e a flexibilização de acompanhamento] foram motivados pela perspectiva de crescimento econômico sustentável nos próximos anos e pela abertura e ampliação do mercado lotérico nacional que se avizinha para o próximo ano”, destacou a Secap.

A secretaria ressaltou que o setor de loterias, até hoje operado unicamente pela Caixa, terá o monopólio quebrado com o leilão da Loteria Instantânea Exclusiva (Lotex), também conhecida como raspadinha. O Ministério da Economia está regulamentando o novo modelo das apostas esportivas de quota fixa, cuja exploração deve ser leiloada no próximo ano.

Para a Secap, os novos preços promovem a competição igualitária entre a Caixa e os demais operadores de loterias. “Isso haverá de concorrer para a maximização do portfólio gerencial de produtos lotéricos, propiciando à empresa pública melhores condições de enfrentamento do ambiente competitivo no mercado de loteria”, acrescentou a nota.

Em janeiro, os preços das lotéricas subirão, em média, 28,2%. A aposta simples da Mega-Sena, de seis dezenas, passará de R$ 3,50 para R$ 4,50.

Confira os demais reajustes:

Dupla-sena: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2,50

Lotofácil: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2,50

Lotomania: a aposta única passa a custar R$ 2,50

Quina: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 2

Os jogos de prognósticos esportivos serão também majorados:

Loteca: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 1,50, passando, em consequência, a aposta múltipla mínima obrigatória, que compreende um prognóstico duplo, a custar R$ 3

Lotogol: a aposta simples, ou mínima, passa a custar R$ 1,50

Timemania: a aposta única passa a custar R$ 3

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Acumulado, próximo concurso da Mega-Sena deve pagar R$ 36 milhões
APOSTAS

Acumulado, próximo concurso da Mega-Sena deve pagar R$ 36 milhões

MERCADO INTERNACIONAL

Analistas veem ganho para Brasil com acordo entre EUA e China

Governo quer leiloar 44 ativos de infraestrutura em 2020, diz ministro
BRASIL

Governo quer leiloar 44 ativos de infraestrutura em 2020, diz ministro

Municípios pedem receita do pré-sal para pagar salários
BRASIL

Municípios pedem receita do pré-sal para pagar salários

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião