Terça, 19 de Junho de 2018

sem exploração ainda

Leilão oferta áreas em MS para
exploração de petróleo e gás

Pela medida, 12 municípios pode ser beneficiados

12 MAR 2018Por EDUARDO FREGATTO16h:55

Uma nova rodada de licitações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) vai oferecer 13 blocos para exploração de petróleo e gás natural em áreas de Mato Grosso do Sul. 

Os blocos, localizados na Bacia do Paraná, abrangem os municípios de Água Clara, Alcinópolis, Bandeirantes, Camapuã, Cassilândia, Chapadão do Sul, Costa Rica, Inocência, Ribas do Rio Pardo, Rochedo, São Gabriel do Oeste e Três Lagoas. A sessão pública será no dia 29 deste mês, em local ainda a ser anunciado pela ANP. 

A Bacia do Paraná é classificada como Bacia de Nova Fronteira, ou seja, possui áreas geologicamente pouco conhecidas e barreiras tecnológicas ou do conhecimento a serem vencidas. O estado sul-mato-grossense ainda não possui exploração de petróleo e gás natural.

Ao todo, nesta 15ª Rodada de Licitações, serão ofertados 70 blocos em 12 setores de sete bacias sedimentares em vários regiões do País. São 49 blocos nas bacias sedimentares marítimas do Ceará, Potiguar, Sergipe-Alagoas, Campos e Santos e 21 blocos nas bacias terrestres do Paraná e do Parnaíba.

De acordo com a ANP, os blocos foram selecionados com o objetivo de ampliar as reservas e a produção brasileira de petróleo e gás natural, ampliar o conhecimento das bacias sedimentares, descentralizar o investimento exploratório no país, desenvolver a indústria petrolífera e fixar empresas nacionais e estrangeiras no país, dando continuidade à demanda por bens e serviços locais, à geração de empregos e à distribuição de renda. O edital completo pode ser acessado por meio do site da entidade.

Leia Também