Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Entendimento

JBS formaliza acordo com
governo e retoma atividades

Entendimento deve preservar 15 mil empregos diretos e 60 mil indiretos em MS

20 OUT 2017Por ALINE OLIVEIRA19h:10

Dois dias após anunciar o fechamento de sete plantas frigoríficas no Estado, a agroindústria JBS decidiu nesta sexta-feira (20), formalizar um acordo com o governo do estado e setor produtivo, representados por produtores e trabalhadores. A informação foi divulgada em entrevista coletiva realizada na sede da governadoria, no Parque dos Poderes, em Campo Grande.

Para que o entendimento aconteça, a holding JF deve fazer o ressarcimento devido e confirmado pela secretaria de Fazenda. Em contrapartida, retomará as atividades de sete das nove plantas frigoríficas existentes em Mato Grosso do Sul, além de continuar os investimentos em iniciados em Dourados, Carapó e Sidrolândia. Serão mantidos 15 mil empregos diretos e 60 mil indiretos em várias regiões do estado.

ACORDO COLETIVO

Segundo o presidente da divisão de carnes da JBS no Brasil, Renato Castro, a pactuação com governo e setor produtivo é positiva, visto que Mato Grosso do Sul é um estado importante para a holding. “Reitero nossa posição de retomarmos as atividades na próxima terça-feira (24) e entregamos na data de ontem (19), a documentação solicitada pela Secretaria de Fazenda. Nosso interesse é dar contiuidade ao bom trabalho que temos feito juntos”, argumenta.

Reforçando o acordo, ficou combinado entre assessores jurídicos da JBS, membros da CPI e do governo do Estado que na próxima segunda-feira (23) será apresentada a minuta de um acordo, no qual o frigorífico colocará alguns bens em garantia, como forma de ressarcir o Estado pela dívida acumulada e assim, conseguir o desbloqueio das contas.

Sobre incentivos fiscais concedidos ao grupo, o governador Reinaldo Azambuja explicou que continuarão a receber, porém, conforme lei aprovada na assembléia, todos os contratos existentes entre administração estadual e empresas passarão por avaliação e atualização. “Não somente, a JBS, mas outras 1.199 empresas contempladas com incentivos terão que passar por esse crivo. A formalização acontecerá no dia 23 de outubro, em evento realizado na Fiems”, concluiu.

Leia Também