COMBUSTÍVEIS

Gasolina tem alta de 2,5% em Campo Grande, segundo ANP

Etanol e diesel registraram baixa de preços na Capital
12/05/2019 14:27 - DANIELLA ARRUDA


 

Preço médio da gasolina voltou a subir em Campo Grande e fechou a última semana em R$ 4,260, alta de 2,5% em relação à anterior (R$ 4,154), de acordo com levantamento de preços da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Em quatro semanas, apontou o levantamento, a média de preço nas bombas dos postos campo-grandenses aumentou 3,8%. Entre 14 e 20 de abril, a gasolina vinha sendo comercializada na Capital sul-mato-grossense por R$ 4,104.

Quanto ao etanol, o levantanento da ANP constatou pequena queda de preços para o biocombustível vendido em Campo Grande na semana passada em relação à anterior. A média para o derivado de cana ficou em R$ 3,507 até o último dia 9, ante R$ 3,511 na semana anterior (-0,1%). Já no comparativo das últimas quatro semanas, o combustível, antes comercializado por R$ 3,358, teve elevação de 4,4%.

Para o diesel, segundo os dados da agência, o preço por litro apresentou retração de -0,4% entre a última semana de abril (R$ 3,628) e a primeira de maio, fechando em R$ 3,613. Quando considerado intervalo de quatro semanas (entre 14 e 20 de abril o preço estava em R$ 3,504 em Campo Grande), houve alta de 3,1%.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".