Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ECONOMIA

Frigorífico iniciará abates de até 100 jacarés/dia em MS

Frigorífico iniciará abates de até 100 jacarés/dia em MS
28/08/2017 06:00 - Redação


 

Com atraso do projeto em um ano, entra em operação nesta semana, no Pantanal, o maior frigorífico de carne de jacaré no Brasil, o Caimasul. Em 2019, a indústria, instalada em Corumbá, produzirá 400 toneladas de carne desossada do réptil anualmente.

Com captura dos animais da espécie Caiman yacaré da natureza para formação do plantel, por meio da coleta de ovos diretamente dos ninhos catalogados nas fazendas do Pantanal, o complexo industrial vai comercializar a carne com o mercado interno e exportará a pele, com uma linha de produção clássica para concorrer com o aligátor, o gênero norte-americano. O couro do jacaré de cativeiro tem mercado garantido lá fora, segundo o Sebrae.

O frigorífico, situado a 32 km a leste de Corumbá, será inaugurado no dia 21 de setembro, com a presença do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, mas iniciará o abate experimental com 50 a 100 animais por dia para ajustes do maquinário e treinamento dos funcionários, segundo um dos sócios, Wilson Girardi, 67 anos. A meta, conforme ele, é chegar a quatro toneladas/dia de carne, com abate de 600 animais, com a finalização das obras em dois anos.

*Reportagem completa de Sílvio Andrade está na edição de hoje do Jornal Correio do Estado.

 

Felpuda


Prefeitura de município do interior de MS recebeu recomendação do Ministério Público do Estado no sentido de exonerar servidores comissionados, livres do cartão de ponto, que são parentes de secretários da administração e de vereadores. O nepotismo se tornou um excelente “negócio” por lá, e se até o dia 6 de agosto as devidas providências não forem tomadas, medidas serão adotadas, como ação por improbidade administrativa. Tem gente que não aprende mesmo, né?