Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

RECEBEU ÁREA

Codecon cancela incentivos
de empresa de artigos plásticos

Marfi Oeste previa investir R$ 2,5 milhões na Capital

26 JUN 17 - 20h:44RENATA PRANDINI

O Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico (Codecon) cancelou os benefícios concedidos à uma empresa de artigos plásticos. A decisão é do dia 12 de junho e foi publicada na edição desta segunda-feira,  do Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande).

A empresa teve os incentivos fiscais aprovados em março de 2015, durante a primeira reunião deliberativa do conselho naquele ano.

Na época, a Marfi Oeste Comércio de Artigos Plásticos, dedicada à produção de caixas plásticas para supermercados, estrados e pisos, havia recebido uma área de até cinco mil metros quadrados no Polo Empresarial Nelson Benedito Netto (saída para Aquidauana).

O investimento da empresa era de R$ 2,5 milhões na instalação do empreendimento, que teria 1,2 mil metros quadrados e geração de 15 empregos.

Além da doação da área, o município se comprometeu em conceder isenção de taxas e do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) da construção e um desconto de 30% do Imposto Predial Territorial Urbano por três anos. Na deliberação, o Codecon não especifica o motivo do cancelamento dos incentivos.

Paralelamente, o conselho também aprovou, por unanimidade, a exclusão da cláusula de reversão da matrícula do imóvel doado à Nilcatex Têxtil, indústria de artigos de vestuário infantil, juvenil e adulto, localizada no Polo Empresarial Oeste.

Na época em que recebeu os benefícios, a empresa anunciado um investimento de R$ 1,980 milhão e a geração de 80 empregos diretos.  

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Rombo da previdência estadual aumentará 50% no próximo ano
PROJEÇÃO GOVERNO

Rombo da previdência estadual aumentará 50% no próximo ano

Vice-ministro chinês é eleito como novo diretor da FAO
NOVO REPRESENTANTE

Vice-ministro chinês é eleito como novo diretor da FAO

ECONOMIA

Bolsonaro: reforma virou 'palavra mágica' e, se sair, investimentos virão

ECONOMIA

Com crise, renda do trabalhador chegou a cair mais de 16% em 5 anos

Mais Lidas