Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DIA DAS CRIANÇAS

Preços de brinquedos variam até R$ 405 na Capital; Confira pesquisa

Mesmo produto tem variação de 426% nas lojas e orientação é pesquisar antes de comprar
07/10/2019 18:14 - GLAUCEA VACCARI


 

Com a aproximação do Dia das Crianças, comemorado no dia 12 de outubro, o movimento no comércio especializado aumenta com os pais em busca de presentes para os filhos. No entanto, quem deseja presentear deve ficar atento e pesquisar preços antes de efetivar a compra, tendo em vista que há variação de até 426,36% no preço de um mesmo produto nos estabelecimentos de Campo Grande. É o que aponta pesquisa divulgada hoje (7) pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon). (Confira a pesquisa completa abaixo).

A maior variação é no preço de triciclo de passeio com haste, que custa R$ 94,99 em uma loja e R$ 499,99 em outra, diferença de R$ 405. Segunda maior diferença também é em triciclo, mas modelo motoca passeio, que custa entre R$ 79,99 e R$ 209,99, variação de 162,52% e R$ 130.

Com relação aos brinquedos para crianças um pouco maiores, pista Hot Wheels Ataque do T-Rex, na loja onde foi encontrado o menor preço, o item custa R$ 169,90, enquanto na de maior valor, ele custa R$ 399,99, variação de 135,43%. Barbie baile das princesas custa de R$ 39,99 a R$ 79,99, ou seja, em um estabelecimento o produto custa o dobro do preço praticado em outra loja.

Em compensação, há produtos que são encontrados por preços iguais ou diferenças de poucos centavos nos diversos locais onde são postos à venda, como é o caso da Baby Alive Linda Sereia (R$ 199), manopla eletrônica Disney Marvel Guerra Infinita Thanos (R$ 199), Unicórnio brilhante Dreamtopia (R$ 499), entre outros.

Orientação do Procon é que os pais ou a pessoa que for comprar presentes, pesquise os preços antes de decidir em qual lugar irá efetivar a transação.

Levantamento foi realizado no período de 24 de setembro a 1º de outubro, em oito estabelecimentos da Capital.

INJEÇÃO NA ECONOMIA

Dia das crianças deve movimentar aproximadamente R$ 132 milhões na economia de Mato Grosso do Sul, segundo pesquisa de intenção de compra, divulgada hoje pela Fecomércio e e Sebrae.

O valor médio do presente no Estado será de R$ 154,01 e os gastos com comemorações devem ser de R$ 109,58 por família, em média.

O comércio deve ter maior movimento nesta semana. 70% dos entrevistados afirmaram que preferem comprar na semana do evento e, antes de fechar a compra, devem fazer pesquisa de preço. Dinheiro e cartão de débito são a preferência da maioria para o pagamento.

Brinquedos, roupas e calçados são os itens preferidos para presentear, sendo os filhos sobrinhos e netos os mais presenteados.

Veja a pesquisa de preços:

Felpuda


A continuar disparando tantas críticas ácidas contradizendo o seu partido, que em nível nacional ganhou até um ministério, político cá dessas bandas poderá ser colocado de escanteio e, se continuar nessa cruzada nada palatável para as lideranças, ser convidado gentilmente a “procurar o caminhão do qual caiu”, como se diz no popular. Os comentários são de que o dito-cujo age assim mais para ganhar holofotes. Esqueceu-se, pelo que se vê, que poderá ocorrer curto-circuito. Ui!