Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PREÇOS ELEVADOS

Aumento médio da gasolina registrado<br> no país fica em 8,23%

Rio de Janeiro tem o segundo maior preço médio sobre a gasolina
31/07/2017 17:02 - Jornal do Comércio


Na semana seguinte ao anúncio do aumento do PIS/Cofins sobre combustíveis líquidos, o valor médio da gasolina vendido nos postos brasileiros subiu em todas as unidades da federação, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), compilados pelo AE-Taxas.

O litro do derivado de petróleo aumentou 8,23%, em média, na semana passada sobre a anterior, de R$ 3,464 para R$ 3,749.

Em São Paulo, maior consumidor do País, o litro da gasolina avançou 8,63% entre a terceira semana de julho e a semana passada, de R$ 3,234, para R$ 3,513, em média. 

Em Minas Gerais o aumento médio foi de 6,65%, de R$ 3,578 para R$ 3,816 o litro, em média, enquanto que no Rio de Janeiro houve alta de 7,03%, de R$ 3,853 para R$ 4,124.

O Rio de Janeiro tem o segundo maior preço médio sobre a gasolina, atrás apenas do Acre, onde o litro custa, em média, R$ 4,366. 

Além da alta do PIS/Cofins, a semana foi marcada por reajustes diários dos preços da gasolina anunciados pela Petrobras às distribuidoras, exceto na terça-feira (25) quando houve um recuo de 1,8%. 

O cenário de alta seguiu nesta semana, com aumentos realizados pela estatal nesta segunda-feira (31) de 1%, e na terça, de 0,8%.

 

Felpuda


É grande a expectativa em torno de qual foi a justificativa de conhecida figura que beneficiou sujeito, e este, aproveitando a, digamos, boa vontade demonstrada, simplesmente “sumiu do mapa”. Órgão nacional pediu explicações para o “benfeitor”, e o prazo já venceu. Como as decisões por lá não ficam escondidas do distinto público, logo, logo, a curiosidade deverá ser contemplada. É esperar para conferir!