Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

jucems

Abertura de empresas tem
alta de 5,2% no ano em MS

Levantamento aponta 3.610 firmas abertas de janeiro a julho

15 AGO 17 - 05h:00DA REDAÇÃO

Mesmo que de forma ainda tímida, a confiança do empresariado na retomada da economia começa a se manifestar na abertura de novos negócios em Mato Grosso do Sul neste segundo semestre de 2017.

Pelo segundo mês seguido, boletim da Junta Comercial do Estado (Jucems) apontou crescimento no número de empreendimentos constituídos em Mato Grosso do Sul.

Foram 3.610 empresas inauguradas de janeiro a julho deste ano, aumento de 5,24% em relação ao mesmo período do ano passado, quando 3.429 negócios foram abertos em MS. 

Quando considerado somente o mês de julho, os dados da Jucems contabilizam que 531 empresas iniciaram atividades no Estado, avanço de 2,12% em relação ao mesmo mês do ano passado (520 registros). Porém, em comparação com junho, quando foram constituídas 547 empresas, houve retração de 2,91%, com fechamento de 16 firmas no período. 

Para o presidente da Jucems, Augusto César Ferreira de Castro, os números de julho confirmam a manutenção da performance, observada desde maio.

“Já é o terceiro mês seguido que estamos (com média de constituição) acima de 500 empresas. Isso sinaliza uma melhora da confiança do empresário no cenário político-econômico, para que ele possa abrir o seu negócio no Estado”, avalia.

*Leia reportagem, de Daniella Arruda, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Ministra quer menos protecionismo para fortalecer agricultura mundial
ECONOMIA

Ministra quer menos protecionismo para fortalecer agricultura

MERCADO FINANCEIRO

Dólar fecha praticamente estável na expectativa por agenda carregada da semana

PIB

Governo deve reduzir previsão de crescimento da economia em 2019

Rombo da previdência estadual aumentará 50% no próximo ano
PROJEÇÃO GOVERNO

Rombo da previdência estadual aumentará 50%

Mais Lidas