Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORREIO VEÍCULOS

Subaru Forester

Na sua quinta geração, desembarca no Brasil avançando na tecnologia e no design
26/06/2019 06:00 - DANIEL DIAS/Agência AutoMotrix


A quinta geração do Subaru Forester desembarca no Brasil, importada do Japão pela Caoa, com novidades mecânicas e linhas modernizadas, com realce nos ângulos mais curvilíneos. Nascido em 1997 como uma station wagon montada sobre a plataforma do sedã Impreza, o Forester foi transformado em SUV na terceira geração, em 2008, chegando ao mercado brasileiro um ano depois. O imponente utilitário esportivo japonês – o modelo mais bem sucedido da Subaru no Brasil – chega com preço de R$ 159.990 e tem como principais concorrentes o Jeep Compass, o Volkswagen Tiguan e o Chevrolet Equinox. É equipado com um motor Boxer 2.0 aspirado com injeção direta de 156 cavalos e 20 kgfm de torque, considerado uma verdadeira preciosidade pelos apreciadores da engenharia automotiva. Está associado ao câmbio automático CVT simulando 7 velocidades em substituição às 6 marchas da versão anterior e ao sistema de tração integral permanente Subaru Symmetrical All-Wheel Drive. O carro ganhou o sistema start-stop, que desliga o motor nas paradas de trânsito das grandes cidades para priorizar a economia de combustível.

O novo Forester conta com um para-choque dianteiro envolvente, integrando a grade frontal hexagonal que abre e fecha suas aletas automaticamente mudando sua configuração em função da velocidade do veículo e alterando a temperatura do líquido de arrefecimento do motor e da cabine, além de ser um componente aerodinâmico. A peça tem ainda em sua seção central duas entradas de ar para o sistema de refrigeração do conjunto mecânico. Nas extremidades, a grade ativa incorpora acabamentos plásticos de tonalidade mais escura e com detalhes cromados nos quais estão instalados os auxiliares de neblina. Os faróis têm tecnologia full-led e DRL (circulação diurna) e sistema de luz direcional para as curvas. A aparência robusta e esportiva do Forester é reforçada pelos para-lamas com saliências sublinhadas pelas saias laterais e pelas rodas de liga leve de 18 polegadas, agora com 10 raios e alto brilho metálico. Na traseira, as lanternas em forma de “C” têm assinatura em leds e são produzidas em material translúcido e integradas ao desenho da carroceria, combinando com o conjunto óptico dianteiro.

Com 4,62 metros de comprimento, 1,81 metro de largura e generosos 2,67 metros de entre-eixos, a quinta geração do Forester utiliza a Subaru Global Platform (SGP), que privilegia o conforto e o espaço para cabeça, ombros e pernas de todos os ocupantes do veículo. Em termos de praticidade, o porta-malas ganhou 15 litros, passando para 520 litros. O compartimento recebeu um piso plano e mecanismo de abertura elétrica da tampa.

Dentro do Forester, a posição dos assentos foi projetada para proporcionar melhor visibilidade a todos ocupantes. O do motorista amplia a ergonomia em trajetos longos e reduz a fadiga. Foram empregados materiais próprios para um melhor amortecimento para absorver as vibrações durante a condução. O SUV tem um sistema de entretenimento completamente redesenhado, intuitivo e de fácil acesso, a fim de deixar o motorista conectado em todos os momentos. O multimídia tem display de oito polegadas e interação com Apple CarPlay e Android Auto. De série, o som premium é o Harman/Kardon.

O novo Subaru Forester conta com tecnologias avançadas de ajuda ao motorista e ao próprio veículo, como o X-Mode – acionado por meio de um botão seletor redondo – para encarar estradas acidentadas ou irregulares. O motorista pode optar entre dois modos de operação do X-Mode: o Snow/Dirt (terra, areia, neve e cascalho) e o Deep Snow/Mud (lama e barro), que interrompe o controle de tração, enquanto o controle de torque permite ao motor gerar rapidamente a força máxima para trabalhar em estradas ruins. O SUV tem o Hill Descent Control (Controle de Descida em Declives), que mantém uma velocidade constante em rampas íngremes enquanto o X-Mode é ativado.

Com um acréscimo de R$ 10 mil no preço inicial do veículo, o novo Forester pode ter a tecnologia EyeSight, que reúne seis funções de segurança. O Sistema de Frenagem Pré-Colisão detecta a presença de risco de batida e avisa o motorista por um sinal luminoso e sonoro. Se o condutor não reagir, o dispositivo aciona o sistema de frenagem para reduzir a velocidade ou mesmo parar o veículo por completo. No Controle Adaptativo de Velocidade, as câmeras do EyeSight funcionam em conjunto com os sistemas de gerenciamento de motor, transmissão e freios para garantir que o carro mantenha uma distância segura do veículo à frente. No Gerenciamento de Aceleração Pré-Colisão, se, durante a retirada do veículo de uma vaga, por exemplo, o motorista selecionar de maneira equivocada uma marcha à frente em vez da ré, o EyeSight emite alertas sonoro e luminoso no painel, inibindo a saída do carro. No Aviso de Mudança de Faixa, o sistema mantém o Forester na sua linha da estrada. O Alerta de Zigue-Zague observa o andar irregular do carro, provavelmente originário de uma possível fadiga do condutor. Com a função Partida à Frente, o EyeSight avisa ao motorista sobre a movimentação de outro veículo a sua frente.

Felpuda


As conversas vêm acontecendo muito, mas muito reservadamente mesmo, e dão conta de que suplente poderá receber convocação, assumir a titularidade do cargo e por lá ficar por tempo indeterminado. Como é óbvio, tem gente jurando que nunca ouviu nem sequer falar sobre o assunto. O motivo não seria nada ligado a possíveis atos de irregularidades, mas sim por problemas de ordem pessoal.